Curriculum Vitae

Maria Regina Faia Martins Salvador

Data da última atualização »Last update : 27/12/2017


Regina Salvador participou em programas de investigação e como perita junto das Nações Unidas em questões ambientais e socio-económicas relacionadas com os oceanos, é Licenciada em Economia e Mestre em Economia Europeia (UCP), Doutorada em Geografia (UNL) e em Economia (London School of Economics) e Agregada em Geografia (UNL). Trabalhou ainda na Comissão Europeia (DG Trade) e integrou o Comité Económico e Social da UE. Atualmente é Professora Catedrática da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (Departamentos de Geografia e Planeamento Regional e de Estudos Políticos. Desde 2017 que é titular da "Cátedra Jean Monnet" , designada «Oceânide», dedicada ao mar em toda a Europa.


Endereço de acesso a este CV:

http://www.degois.pt/visualizador/curriculum.jsp?key=9982315512478895


Dados pessoais (Personal data)
Nome completo
Full name
Maria Regina Faia Martins Salvador
Nome em citações bibliográficas
Quoting name
Salvador, Regina
Categoria profissional
Position
Professor Catedrático
Domínio científico de atuação
Scientific domain
Ciências Sociais-Geografia Económica e Social.
Ciências Sociais-Economia e Gestão.
Ciências Sociais-Ciências Políticas.
Ciências Sociais-Sociologia.
Endereço profissional
Professional address
Universidade Nova de Lisboa
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas
Departamento de Geografia e Planeamento Regional
Avenida de Berna, 26 C
1069-061 Lisboa
Portugal
Correio electrónico: regina.salvador@fcsh.unl.pt
Homepage: https://www.researchgate.net/profile/Regina_Salvador
Sexo
Gender
Feminino»Female




Graus Académicos (Academic Degrees)
2004 Agregação
Aggregation
Universidade Nova de Lisboa, Portugal.

1998 Doutoramento
Phd
Economia .
London School of Economics and Political Science, Reino Unido.
Instituição portuguesa que atribuiu reconhecimento/equivalência/registo » Portuguese Instituition providing acknowledgement/equivalence/registry : Universidade Nova de Lisboa.
Com o tipo » With the type: Registo » Registry.

1993 Doutoramento
Phd
Geografia - Especialidade em Espaço e Economia.
Universidade Nova de Lisboa, Portugal.

1982 Mestrado
Master degree
Economia Europeia.
Universidade Católica Portuguesa, Portugal.

1977 Licenciatura
Licentiate degree
Economia (5 anos » years) .
Universidade Católica Portuguesa, Portugal.





Vínculos profissionais (Professional Positions)
Universidade Nova de Lisboa
Ago/2006-Actual Professor Catedrático
Fev/2002-Jul/2006 Professor Associado
Jan/1993-Jan/2002 Professor Auxiliar
Jan/1988-Jan/1992 Assistente

Comissão Europeia
Jan/1987-Dez/1990 Técnico Superior Principal

Associação Industrial Portuguesa
Jan/1984-Jan/1987 Técnico Superior Principal

Universidade Católica Portuguesa
Jan/1980-Dez/1984 Assistente





Produção científica, técnica e artística/cultural (Scientific, technical and artistical/cultural production)
Capítulos de livros publicados
Published book chapters
1. Salvador, Regina; Marques, Bruno P. 2008. Fundo EFTA revisita Portugal: a estratégia de desenvolvimento de Rabo de Peixe.  In Fundo EFTA revisita Portugal: a estratégia de desenvolvimento de Rabo de Peixe, 392 - 407. . Tomar: APDR - Associação Portuguesa p.

Artigos em revistas com arbitragem científica
Papers in periodics with scientific refereeing
1. Ferreira, Jorge R. C; Lúcio, José M. R; Salvador, Regina. 2011. "Sustainable Tourism Micro-Clusters: The Case of Alentejo Protected Areas", Revista Portuguesa de Estudos Regionais (RPER), 25/26: 0 - 1.
Publicação indexada na EconLit, JEL on CD, e-JEL e Journal of Economic Literature. A aguardar indexação na SCOPUS.

2. Salvador, Regina; Marques, Bruno P. 2005. "Geopolítica do Petróleo: de Estrabão à(s) Guerra(s) do Iraque", Revista da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, 18: 191 - 200.
As actuais necessidades energéticas da economia mundial são satisfeitas maioritariamente pelo uso de energias não renováveis. Mais precisamente, 90% da energia consumida a nível mundial vem do consumo de combustíveis fósseis. Os três principais combustíveis fósseis são o petróleo, o carvão e o gás natural. Estes combustíveis são as principais fontes de energia, tanto nos países industrializados, como nos países em vias de industrialização, nomeadamente no sector dos transportes rodoviários. Embora os países desenvolvidos do Norte tenham apenas 20% da população mundial, consomem a esmagadora maioria da energia a nível global. Apesar deste maior consumo, os países do Norte têm cada vez maior consciência da necessidade de conservar os recursos energéticos, em especial desde os choques petrolíferos de 1973 e 1979. Os países em industrialização do Sul (nomeadamente gigantes como a China ou Índia) tendem a ser utilizadores menos eficazes a nível energético.De entre os combustíveis fósseis, o petróleo assumiu um papel importantíssimo durante todo o século XX. De facto, várias são as vantagens do petróleo como combustível ou como matéria-prima face a outros produtos. Desde logo o seu rendimento calorífico-energético por unidade de volume é superior ao dos restantes combustíveis fosseis; por outro lado o facto de ser um fluido viscoso facilita o seu transporte por pipelines, em especial face ao carvão. Mas o mais significativo será o facto de o petróleo, depois de refinado, dar origem a numerosos subprodutos como o fuel, a gasolina, o gasóleo, a benzina, lubrificantes, vários tipos de plástico, sendo mesmo usado em fibras têxteis, detergentes ou medicamentos.


Trabalhos completos/resumidos em eventos com arbitragem científica
Papers in conference proceedings with scientific refereeing
1. Lúcio, José M. R; Salvador, Regina; Duarte, Stephanie. 2017. "Regional Integration in West Africa and the case of Cape Verde", Trabalho apresentado em 24.º Congresso da Associação Portuguesa de Desenvolvimento Regional, In Atas do 24.º Congresso da Associação Portuguesa de Desenvolvimento Regional, Covilhã.
2. Lúcio, José M. R; Alfaia, Nélson; Salvador, Regina. 2017. "Approaches to Municipalities’ Associations: the Case of the Inter-Municipal Community of Alto Alentejo", Trabalho apresentado em 24.º Congresso da Associação Portuguesa de Desenvolvimento Regional, In Atas do 24.º Congresso da Associação Portuguesa de Desenvolvimento Regional, Covilhã.
3. Fernandes, André; Salvador, Regina. 2013. "The Contribution of Transport Infrastructures to Regional Development", Trabalho apresentado em 19th APDR Congress "Place-Based Policies and Economic Recovery", In Abstract Book of 19th APDR Congress "Place-Based Policies and Economic Recovery", Braga.
4. Salvador, Regina; Marques, Bruno P. 2008. "Fundo EFTA revisita Portugal: a estratégia de desenvolvimento de Rabo de Peixe", Trabalho apresentado em 14.º Congresso da APDR, In Actas do 14.º Congresso da APDR, Tomar.
Entre os países fundadores da EFTA, Portugal tinha o nível de desenvolvimento mais baixo: o acordo de adesão na Convenção de Estocolmo integrou um anexo (Anexo G) que teve em conta a especificidade da economia portuguesa, protegendo as indústrias nacionais. O impacto da adesão à EFTA sobre a economia portuguesa foi enorme. Estima-se que cerca de metade do crescimento das exportações portuguesas (+16% ao ano entre 1959 e 1966) se deveu ao “efeito EFTA”. No entanto, perante uma situação socio-económica delicada, em 1975, a EFTA voltaria a apoiar Portugal, criando o “Fundo EFTA”, orientado para as PME. Com a entrada de Portugal na então CEE, chegou-se naturalmente ao fim destes apoios. Mas quando se julgaria que este capítulo estaria definitivamente encerrado, eis que, qual Fénix renascida das cinzas, Portugal passou a beneficiar, desde 2005, do “Mecanismo Financeiro da EFTA”, originalmente criado para os dez novos EM do Leste europeu. Através do “Mecanismo Financeiro Norueguês”, a Noruega disponibilizou ainda mais de 550 milhões de euros adicionais. Rabo de Peixe, uma das catorze freguesias do município da Ribeira Grande, apresenta um conjunto de indicadores socioeconómicos alarmantes: elevadas taxas de analfabetismo e de mortalidade infantil, desemprego bem acima da média da RAAçores, habitação sem rede pública de esgotos. É neste cenário – longe de idílico – que os “Fundos EFTA” aprovaram o Projecto “Velhos Guetos, Novas Centralidades”, com um financiamento de 23 milhões de euros. A comunicação caracteriza o território, faz uma análise SWOT do território e propõe linhas estratégicas de desenvolvimento.

5. Salvador, Regina; Fernandes, André; Lúcio, José. 2007. "Local Patrimony Clusters: a new approach to an old heritage", Trabalho apresentado em International Conference "Regions on Focus?", In Proceedings of the International Conference "Regions on Focus?", Lisboa.
6. Salvador, Regina; Pimentel, Dulce; Fernandes, André; Martins, Fernando. 2005. "Reconstrução do Espaço Florestal", Trabalho apresentado em X Colóquio Ibérico de Geografia "A Geografia Ibérica no contexto Europeu", In Actas do X Colóquio Ibérico de Geografia "A Geografia Ibérica no contexto Europeu", Évora.

Artigos em revistas sem arbitragem científica
Papers in periodics without scientific refereeing
1. Ferreira, Eduarda; Salvador, Regina. 2014. "Lesbian collaborative web mapping: disrupting heteronormativity in Portugal", Gender, Place & Culture 22, 7: 954 - 970.
2. Salvador, Regina. 1997. "Geoeconomia: Uma Crítica À Representação Económica Dominante", REVISTA DA FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS, 10: 233 - 240.








Indicadores de produção (Production indicators)

Total
Produção científica
Scientific production
11

Livros e capítulos
Books and book chapters
1
Capítulos de livros publicados
Published book chapters
1
Artigos científicos em revistas
Papers in periodics
4
Com arbitragem científica
With scientific refereeing
2
Sem arbitragem científica
Without scientific refereeing
2
Trabalhos em eventos
Papers in conference proceedings
6
Com arbitragem científica
With scientific refereeing
6


Visualizações do curriculum [ 527 ]
 
Página gerada pela Plataforma de Curricula DeGóis promovida pela FCT e pelo Gávea/DSI/UM em 31-05-2020 às 11:41:36
Plataforma de Curricula DeGóis: http://www.degois.pt | Icons by Axialis Team
Co-Autores Relacionados no DeGóis (3)
 Co-authors listed in Degóis