Curriculum Vitae

Eduardo Maria Costa Dias Martins

Data da última atualização »Last update : 09/10/2015


Doutor em Antropologia Social, Investigador do Centro de Estudos Internacionais, Professor no Departamento de Ciência Política e Políticas Públicas e Director do Doutoramento em Estudos Africanos do Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL), Portugal. Tem desenvolvido trabalhos sobre o Estado, as relações entre os dignitários muçulmanos e o Estado e as formas de transmissão do saber religioso nas sociedades islamizadas da Senegâmbia. Actualmente faz parte do Board of Directors da Mande Studies Association.


Endereço de acesso a este CV:

http://www.degois.pt/visualizador/curriculum.jsp?key=6227365722742537


Dados pessoais (Personal data)
Nome completo
Full name
Eduardo Maria Costa Dias Martins
Nome em citações bibliográficas
Quoting name
Dias, Eduardo Costa
Categoria profissional
Position
Professor Auxiliar
Domínio científico de atuação
Scientific domain
Ciências Sociais-Sociologia.
Ciências Sociais-Ciências Políticas.
Ciências Sociais-Outras Ciências Sociais.
Endereço profissional
Professional address
ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa
Centro de Estudos Internacionais, CEI-IUL
Av.ª das Forças Armadas 1649-026 Lisboa Portugal
Lisboa
1649--026 Lisboa
Portugal
Telefone: (+351)210464029
Fax: (+351)217964710
Correio electrónico: costa.dias@iscte.pt
Homepage: http://cei.iscte-iul.pt
Sexo
Gender
Masculino»Male




Graus Académicos (Academic Degrees)
1996 Doutoramento
Phd
Antropologia Social.
ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa, Portugal.

1987 Mestrado
Master degree
Sociologia (2 anos » years) .
Universidade Nova de Lisboa, Portugal.

1976-1981 Licenciatura
Licentiate degree
Sociologia (5 anos » years) .
ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa, Portugal.





Vínculos profissionais (Professional Positions)
ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa
Jan/1981-Actual Professor Auxiliar





Atividades de Investigação e Desenvolvimento (Research and Development activities)
ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa
Jan/2013-Actual Centro de Estudos Internacionais, CEI-IUL
Linhas de investigação»Research fields:


Instituições, Governação e Relações Internacionais






Atividades de Conselhos, Comissões e Consultorias (Councils, Comissions and Consultancy activities)
ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa
Jan/2013-Actual
Comissão Científica do Centro de Estudos Internacionais


Jan/2013-Actual
Comissão Cientifica do Departamento de Ciência Politica e Politicas Públicas do ISCTE-IUL






Atividades de Direção e Administração (Management and Administration activities)
ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa
Jan/2007-Actual
- Director do Curso de Doutoramento em Estudos Africanos


Jan/1999-Jan/2011
- Coordenador do Curso de Mestrado em Estudos Africanos






Linhas de Investigação (Research fields)
1. Instituições, Governação e Relações Internacionais
Objectivos»Goals: O grupo de investigação Instituições, Governação e Relações Internacionais está estruturado em torno de dois programas. O programa Relações Internacionais e Governação Global centra-se na arquitetura da governação global e nas instituições políticas regionais, internacionais e globais, bem como em organizações como as Nações Unidas, a União Africana, a NATO, a União Europeia ou a Associação de Cooperação Regional da Ásia do Sul. O foco incide na relação entre a política interna e externa, nos processos de tomada de decisão e nas políticas públicas, conjugando o estudo das relações internacionais com análises de criação de políticas públicas e de governação global para além do Estado nação. Perante o crescente relevo dos agentes não estatais, o grupo não se limita às relações entre países, abordando igualmente organizações transnacionais não governamentais e da sociedade civil, as suas estruturas e processos, e a influência que têm nos palcos global, nacional ou local. Particular atenção é dada à alteração das dinâmicas das potências regionais, aos Estados frágeis e falhados, às relações entre segurança e desenvolvimento, à política externa das potências emergentes, à religião e à política internacional. A pesquisa privilegia uma abordagem que cruza a emergência de uma sociedade civil global com uma dimensão mais tradicional de interação internacional ou inter-estatal. O segundo programa centra-se na pesquisa multidisciplinar dos mais relevantes Desafios de segurança do século XXI. Inclui as ameaças tradicionais à paz, como os conflitos armados bilaterais e regionais; os perigos das armas nucleares, biológicas e químicas; e a proliferação de armamento e tecnologias convencionais. Particular atenção será prestada aos novos desafios, transfronteiriços e transnacionais, à paz e segurança. Os tópicos a explorar incluem a relação entre as tecnologias de informação e a segurança (nomeadamente a cibersegurança), a prevenção do terrorismo, segurança energética e ambiental,.
Domínio Científico: Ciências Sociais / Área Científica: Outras Ciências Sociais.
Domínio Científico: Ciências Sociais / Área Científica: Ciências Políticas.




Projetos de Investigação (Research projects)
Participação como Investigador responsável
Participation as responsible Researcher
2004-2007
A Senegâmbia: Da Crítica de um Ícone Histórico-Sociológico à Reavaliação de um Objecto de Estudo -Senegambia: From the Critics of a Historical-Sociological Icon to the Reavaluation of a Study Object
Referência do projeto»Project reference: POCI/AFR/61152/2004.


Participação como Investigador
Participation as Researcher
2013-2015
Habitações para o maior número: Lisboa, Luanda, Macau
Referência do projeto»Project reference: PTDC/ATP-AQI/3707/2012.
PTDC

2008-2013
Sociedades africanas face a dinâmicas globais: turbulências entre intervenções externas, migrações e insegurança alimentar-African societies facing global dynamics: turbulences between external intervention, migration and food insecurity
Referência do projeto»Project reference: PTDC/AFR/104597/2008.

2008-2012
O papel das organizações da sociedade civil na educação e formação: o caso de Angola, Guiné-Bissau, Moçambique e São Tomé e Príncipe-The role of civil society organizations in education and training: the case of Angola, Guiné-Bissau, Moçambique and São Tomé e Príncipe
Referência do projeto»Project reference: PTDC/AFR/103240/2008.

2008-2012
Os Gabinetes Coloniais de Urbanização: Cultura e prática arquitectónica
Referência do projeto»Project reference: PTDC/AUR-AQI/104964/2008.






Línguas (Languages)
Compreende
Understandig
Português (Bem), Francês (Bem), Inglês (Bem).
Fala
Speaking
Português (Bem), Francês (Bem), Inglês (Bem).

Reading
Português (Bem), Francês (Bem), Inglês (Bem).
Escreve
Writing
Português (Bem), Francês (Bem), Inglês (Bem).




Membro de Associações Profissionais/Científicas (Professional/Scientific Association membership)
Actual Centro de Estudos Africanos da Universidade do Porto, Membro.
Membro da Comissão de Acompanhamento Externo.
Actual Mande Studies Association, Membro.




Produção científica, técnica e artística/cultural (Scientific, technical and artistical/cultural production)
Livros publicados/organizados ou edições
Published/organized books or Editions
1. Dias, Eduardo C; Alves, Isabel; Valente, Nuno; Aires, Sérgio. 2006. Comunidades Ciganas: representações e dinâmicas de exclusão/integração. ed. 1, ISBN: 989-8000-12-0. Lisboa: Alto Comissariado para a Imigração e Minorias Étnicas.
2. Dias, Eduardo C; Viegas, José M. L. eds. 2000. Cidadania, integração, globalização ed. 1, ISBN: 972-774-061-8. Oeiras: Celta Editora.

Capítulos de livros publicados
Published book chapters
1. Dias, Eduardo C. 2012. Confréries musulmanes et mouvements de Da’wa : deux conceptions de l’islam en Afrique occidentale.  In L'Islam De L'Afrique Noire, ed. Ferran Iniesta, 47 - 72. ISBN: 9782296570382. França: Harmattan.
2. Dias, Eduardo C. 2011. 50 anos de independencias africanas: estado e autoridades tradicionais.  In África Sub-Sahariana meio século depois (1960-2010), ed. Emmanuel Moreira Carneiro e Manuel Ennes Ferreira, 125 - 145. ISBN: 978-989-689-175-6. Lisboa: Colibri.
3. Dias, Eduardo C. 2009. Hermandades musulmanes y movimientos da' wa: dos concepciones d' Islam en l' Oeste Africano.  In El Islam del África Negra, ed. Ferran Iniesta, 37 - 58. ISBN: 978-84-7290-458-3. Barcelona: Bellaterra.
4. Dias, Eduardo C. 2002. "Da'wa", política, identidade religiosa e "invenção" de uma "nação".  In Multiculturalismo, Poderes e Etnicidades na áfrica Subsariana, 45 - 68. ISBN: 972-9350-65-5. Maia: Faculdade de Letras e Centro de Estudos Africanos da Universidade do Porto,.
5. Dias, Eduardo C. 2000. Globalização e novos horizontes da cidadania.  In Cidadania, Integração e Globalização, ed. José Manuel Leite Viegas e Eduardo Costa Dias, 1 - 8. ISBN: 9789727740611. Oeiras: Celta Editora.
6. Dias, Eduardo C. 2000. Estado, estruturas políticas tradicionais e cidadania: o caso senegâmbiano.  In Cidadania, integração, globalização, ed. José Manuel Leite Viegas e Eduardo Costa Dias, 37 - 59. ISBN: 972-774-061-8. Oeiras: Lisboa.

Artigos em revistas com arbitragem científica
Papers in periodics with scientific refereeing
1. Dias, Eduardo C. 2014. "Do Estado colonial ao Estado pós-colonial", Janus, 1: 118 - 119.
2. Dias, Eduardo C. 2014. "Repensar os Estudos Africanos: descolonizar o pensamento, questionar as práticas, reconfigurar as agendas", Revista Lusófona de Estudos Culturais, 1: 7 - 24.
3. Dias, Eduardo C. 2013. "From the Unbearable “Resilience” of Coupism to Ethnicisation: a Short Journey for the Armed Forces of Guinea-Bissau", Nordic Journal of African Studies, 1: 6 - 22.
4. Dias, Eduardo C. 2010. "Proselitismos, revivalismos e redes religiosas pós-coloniais", Janus, 1: 182 - 183.
5. Dias, Eduardo C. 2010. "Reinvenção do Estado pós-colonial em África", Janus, 1: 120 - 121.
6. Dias, Eduardo C; Giesing, Cornélia. 2010. "La préservation et la transmission de la mémoire collective du ‘Kaabu Manding’ par les commerçants et lettrés de la Sénégambie méridionale", Mande Studies: The Journal of the Mande Studies Association, 9: 63 - 81.
7. Dias, Eduardo C. 2010. "La Sénégambie: un concept historique et socioculturelle et un objet d’étude réévalues", Mande Studies: The Journal of the Mande Studies Association, 9: 9 - 19.
8. Milheiro, Ana V; Dias, Eduardo C. 2009. "Arquitectura em Bissau e os Gabinetes de Urbanização colonial (1944-1974)", Revista eletrônica de Arquitetura e Urbanismo, 1: 80 - 114.
9. Dias, Eduardo C. 2007. "Les musulmans Guinéens immigrés de Lisbone - Évitement et fascination ambiguë pour « l’autre musulman »", Lusotopie, 14: 18 - 204.
10. Dias, Eduardo C. 2007. "Senegal: confrarias, contrato social e modernidade", Janus, 0: 118 - 120.
11. Dias, Eduardo C. 2007. "Ahamdou Bamba, fundador da mouridiyya", Janus, 0: 183 - 183.
12. Dias, Eduardo C. 2006. "Regulado do Gabú (1900-1930): A difícil compatibilização entre legitimidades tradicionais e a reorganização do espaço colonial", Africana Studia, 9: 99 - 125.
13. Dias, Eduardo C. 2005. "Da escola corânica tradicional à escola Arabi: um simples aumento de qualificação do ensino muçulmano na Senegâmbia?", Cadernos de Estudos Africanos, 7/8: 125 - 155.
14. Dias, Eduardo C. 2001. "Estado, Política e Dignitários Político-religiosos. O caso senegâmbiano", Cadernos de Estudos Africanos, 1: 27 - 51.



Organização de evento
Event organization
1. Dias, Eduardo C. 5th European Conference on African Studies (ECAS 5),2013 (Conferência / Organização).
2. Dias, Eduardo C. VII Congresso Ibérico de Estudos Africanos ,2010 (Congresso / Organização).
3. Dias, Eduardo C. Seventh International Conference on Mande Studies,2008 (Conferência / Organização).
4. Dias, Eduardo C. V Congresso de Estudos Africanos no Mundo Ibérico,2006 (Congresso / Organização).





Dados Complementares (Additional data)


Orientações
Orientations


Tese de Doutoramento
Phd Thesis
Concluídas
Completed
1. Octávio do Nascimento Mendes, Constituição do Estado na África Subsariana. Uma perspectiva comparada, 2012. Tese (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
Em curso
Ongoing
1. Orlando Júlio André Nipassa, Autonomia e Dependência da Sociedade Civil em Moçambique - Estudo dos Casos das Associações de tipo religioso e das de tipo político, 2013. Tese (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
2. Esmeralda Neutel Santos Pinto, A máquina Administrativa Central o Ministério das Colónias/Ultramar e a lógica da decisão racional aos vários níveis, 2013. Tese (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Co-orientador).
3. Lino Tanga, A territorialização eclesiástica de Angola 1940- 1975, 2012. Tese (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
4. Saico Djibril Balde , Do Bandim (Bissau) ao Rossio (Lisboa): O Impacto das Remessas dos Emigrantes nas Sociedades Guineenses, 2011. Tese (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
5. Victor Manuel Eustaquio dos Santos , A comunicação em Angola na era digital com, 2011. Tese (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Co-orientador).
6. Lúcia Maria Teixeira Lopes do Rego Bayan, Linguagens de poder, cadeias iniciáticas, identidade e coesão social na sociedade Felupe (Guiné-Bissau), 2011. Tese (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa, Bolseiro(a) de Fundação para a Ciência e a Tecnologia (Orientador).
7. Maria João Paiva Ruas Baessa Pinto, Estado, Poder linhageiro e poder religioso muçulmano nos macuas de Nacala (Moçambique), 2010. Tese (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).


Dissertação de Mestrado
Master degree dissertation
Concluídas
Completed
1. Jairson Carlos Indequi , Envio de Remessas informais de emigrantes Guineenses, 2012. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
2. José Carlos Lopes Marques, Sob o signo do artigo 73: a política colonial do "Estado Novo" português orgulhosamente só na ONU (1955-1974), 2011. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
3. Ana Sofia Rosado Monteiro, Gestão de trauma de sobreviventes do genocídio ruandês, 2011. Dissertação (Sociologia da Saúde e da Doença) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Co-orientador).
4. Lúcia Maria Teixeira Lopes do Rêgo Bayan, Autoridades tradicionais, insegurança alimentar e gestão de recursos: um estudo de caso no Reino Felupe de Suzana (Guiné-Bissau), 2010. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
5. Filipa Sttau Monteiro Perestrello de Vasconcellos, Segurança alimentar, degradação ambiental e estratégias de coping: um estudo de caso no chão Joola/Felupe (Guiné-Bissau), 2010. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
6. Sandra Mula, O peso crescente do fenómeno urbano e o seu impacto na Segurança Alimentar: um estudo de caso na comunidade peri-urbana de Susana, São Domingos (Guiné-Bissau), 2010. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
7. Carlos Augusto Chefo, O tema da pobreza na imprensa escrita de Moçambique (2001-2005): o caso do Jornal “Notícias”, 2009. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
8. Ana Cristina Rosário Jordão, Som, audiência e arquivo: a RDP África como case study, 2009. Dissertação (Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
9. Saico Baldé, Buba-Quebo. Corredor de Desenvolvimento no Sul da Guiné-Bissau, 2008. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Co-orientador).
10. Ana Paula Ferreira Ribeiro da Costa Milhano, Gestão dos recursos hídricos em Moçambique: Gaza – rio Limpopo, 2008. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
11. Rehana Dauto Capurchande, A "caridade de sextas-feiras" : um estudo sobre práticas e percepções sociais relacionadas com o alívio à pobreza na cidade de Maputo, 2007. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Co-orientador).
12. Caterina Eleonarda Gomes Viegas, A expansão da cidade de Bissau e a mobilidade da etnia Pepel, 2007. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
13. Hélder Jauana, Tipologias de participação política no contexto da democracia em Moçambique : o caso do município da Matola, 2005. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Co-orientador).
14. Rute Sofia Damião Marques Tormenta, Relações sociais e estratégias de vida nas roças de São Tomé e Princípe : o caso da roça Rio do Ouro, 2005. Dissertação (Desenvolvimento Social e Económico em África) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
15. Manuel Maria Braga, O contrato social senegalês revisitado : uma bomba ao retardador?, 2004. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
16. Georgina Montserrat Pagespetit, O papel das ONGs nacionais no espaço político moçambicano : o caso da cidade da Beira, 2004. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Co-orientador).
17. Maria de Lurdes Alexandre Ferreira, Pluripartidarismo e reemergência do nacionalismo na Guiné-Bissau, 2004. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
18. Francisco Manuel Machado da Rosa da Silva Freire, Presidentes, 'Ulamâ e marabutos : a negociação dos lugares religiosos na Mauritânia pós-colonial, 2003. Dissertação (Antropologia Social) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
19. Jean-Marie Kiombo, O sistema de aprendizagem e o desenvolvimento do empresariado no sector informal "tradicional" urbano de Luanda, 2003. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
20. Serifo Baldé, Tabuleiros, comércio de porta aberta e mercado : condicionalismos da passagem de mercadores de tabuleiro a comerciantes, 2003. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
21. Domingos Pascoal, Relacionamento entre o Estado e as autoridades tradicionais em Angola : caso da Lunda-Sul (1975-1992), 2003. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
22. Fidel Raul Carmo Reis, Angola : práticas políticas e lutas de classificação : reavaliação das propriedades rácicas/características somáticas em contextos de crise (1962-1964 1964, 1992-1996 1996), 2002. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
23. Elsa Maria Lopes Almeida Fontes, O bairrismo em Cabo Verde : análise sociológica das rivalidades entre os habitantes das ilhas de Santiago e de São Vicente, 2002. Dissertação (Desenvolvimento Social e Económico em África) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
24. João de Deus Costa Ramalho Dias, Estado, práticas e reprodução políticas : o caso do Senegal contemporâneo, 2002. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
25. Filomena Maria Sousa Lopes, Percurso(s) da educação em Moçambique : os anos 90 e a democratização : entre o público e o privado na cidade de Maputo, 2002. Dissertação (Desenvolvimento Social e Económico em África) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
26. Eduardo Alfredo Cardoso de Miranda, Do direito consuetudinário à propriedade privada : o caso da comunidade rural Matsolo - aldeia de Djuba, distrito de Matola, província do Maputo, Moçambique, 2001. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
27. Maria Fernanda M. S. Cardoso de Miranda, Moçambique, guerra civil e deslocadas : caso de luta pela sobrevivência das mulheres "chefes de família" no subúrbio do Maputo, 1999. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).
28. Margarida Mira Moreira, Escolas populares : respostas da sociedade às insuficiências do Estado da Guiné-Bissau no domínio da educação, 1997. Dissertação (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (Orientador).


Participação no júri de Graus Académicos
Academic Degrees jury participation


Doutoramento
Phd
1. Dias, Eduardo Costa. Participação no júri de Maria de Lurdes Martins Caldas. A construção da diferença num arquipélago mestiço: brancos e não-brancos na são Filipe da primeira metade de novecentos, 2011. Tese (Ciências Sociais) - Instituto Superior de Ciências Policiais e Segurança Interna.
2. Dias, Eduardo Costa. Participação no júri de Mamadu Jao. Viver Só: Estratégias de Vivência e de Sobrevivência em contextos de crise: Os Mancanhas na Cidade de Bissau, 2010. Tese (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa.
3. Dias, Eduardo Costa. Participação no júri de Ana Lúcia Lopes de Sá,. A ruralidade na narrativa angolana do século XX – Elementos de Construção da Nação, 2010. Tese (Sociologia) - Universidade da Beira Interior.
4. Dias, Eduardo Costa. Participação no júri de Álvaro Correia de Nóbrega. A Africanização da Democracia na Guiné-Bissau, 2008. Tese (Ciências Sociais) - Instituto Superior de Ciências Policiais e Segurança Interna.
5. Dias, Eduardo Costa. Participação no júri de Carlos Manuel Mira Godinho Fernandes Lopes. Elementos sobre o comportamento de compra em mercados informmais : estudo de caso no mercado Roque Santeiro (Luanda), 2008. Tese (Estudos Africanos) - ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa.


Participação editorial em revistas
Magazine editorial participation
1. Dias, Eduardo Costa. Studia Africana, Função ou tipo de participação: Conselho científico, Editora: Centre d’Estudis Africans.
2. Dias, Eduardo Costa. Cadernos de Estudos Africanos, desde 2001/01/01, Função ou tipo de participação: Conselho científico, Editora: Centro de Estudos Internacionais do Instituto Universitário de Lisboa.







Indicadores de produção (Production indicators)

Total
Produção científica
Scientific production
22

Livros e capítulos
Books and book chapters
8
Livros publicados ou organizados
Published or organized books
2
Capítulos de livros publicados
Published book chapters
6
Artigos científicos em revistas
Papers in periodics
14
Com arbitragem científica
With scientific refereeing
14

Total
Produção técnica
Technical production
4

Outros tipos de produção técnica
Other technical production
4

Total
Dados complementares
(Additional data)
43

Orientações
Orientations
36
Participação no Júri de Graus Académicos
Academic Degrees jury participation
5
Participação editorial em revistas
Magazine editorial participation
2


Visualizações do curriculum [ 3980 ]
 
Página gerada pela Plataforma de Curricula DeGóis promovida pela FCT e pelo Gávea/DSI/UM em 27-06-2019 às 10:13:23
Plataforma de Curricula DeGóis: http://www.degois.pt | Icons by Axialis Team
Co-Autores Relacionados no DeGóis (1)
 Co-authors listed in Degóis
Colaboração em projetos no DeGóis (4)
 Project collaboration in Degóis