Curriculum Vitae

Mário Avelino Santiago de Carvalho

Data da última atualização »Last update : 08/11/2017


Professor Catedrático (2002) da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Licenciado em Filosofia (1983) e Mestre em Filosofia Medieval pela Universidade do Porto (1987), doutorou-se em Letras (1994), pela Universidade de Coimbra, após estudos realizados na Bélgica (Hoger Instituut voor Wijsbegeerte - Katholieke Universiteit Leuven), como bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian. Dedica-se ao ensino graduado e pós-graduado (Universidades de Coimbra, do Porto, de Lisboa, dos Açores, do Luxemburgo e da Universidade Sun-Yat Sen na República Popular da China), especialmente nas áreas da História da Filosofia (Antiga, Medieval e Moderna) e da Metafísica, e já traduziu já mais de uma dezena de obras filosóficas de autores gregos e latinos. Foi assessor da direcção da ‘Société Internationale pour l’Étude de la Philosophie Médiévale’ (2007-2012), presidente da ‘Associação de Professores de Filosofia’ (2004-06), membro da ‘Associação Portuguesa de Estudos Neo-Latinos’ e da ‘Sociedade Portuguesa de Estudos Medievais’, vice-presidente do ‘Gabinete de Filosofia Medieval’ da Universidade do Porto, e da ‘Sociedade Portuguesa de Filosofia Medieval’. Integra ou integrou já as comissões científicas das seguintes publicações: Revista Filosófica de Coimbra, Biblos: Revista da Faculdade de Letras (Coimbra), Mediaevalia. Textos e Estudos (Porto), Revista de Filosofia (Venezuela), Análise (Lisboa), Bulletin de Philosophie Médiévale (Bélgica), Quaestio. Annuario di storia della metafísica (Itália) e Documenti e Studi sulla Tradizione Filosofica Medievale. An International Journal on the Philosophical Tradition from Late Antiquity to the Late Middle Ages of the ‘Società Internazionale per lo Studio del Medioevo Latino (S.I.S.M.E.L., Firenze, Itália).


Endereço de acesso a este CV:

http://www.degois.pt/visualizador/curriculum.jsp?key=3969635370751174


Dados pessoais (Personal data)
Nome completo
Full name
Mário Avelino Santiago de Carvalho
Nome em citações bibliográficas
Quoting name
Carvalho, Mário Santiago de
Categoria profissional
Position
Professor Catedrático
Endereço profissional
Professional address
Universidade de Coimbra
Linguagem, Interpretação e Filosofia
Faculdade de Letras
3004-530 Coimbra
Portugal
Telefone: (+351)239859983
Correio electrónico: mscarvalho@fl.uc.pt
Sexo
Gender
Masculino»Male




Graus Académicos (Academic Degrees)
2001 Agregação
Aggregation
Universidade de Coimbra, Portugal.

1994 Doutoramento
Phd
Filosofia Antiga e Medieval.
Universidade de Coimbra, Portugal.

1985-1989 Mestrado
Master degree
Filosofia Medieval (4 anos » years) .
Universidade do Porto, Portugal.

1979-1983 Licenciatura
Licentiate degree
Filosofia (4 anos » years) .
Universidade do Porto, Portugal.





Vínculos profissionais (Professional Positions)
Universidade de Coimbra
Mar/2002-Actual Professor Catedrático

Universidade de Lisboa
Out/2001-Jul/2002 Professor Associado





Línguas (Languages)
Compreende
Understandig
Francês (Bem), Inglês (Bem), Romeno (Razoavelmente), Espanhol (Bem), Alemão (Bem), Italiano (Bem), Latim (Bem), Grego (Bem), Hebraico (Razoavelmente), Árabe (Razoavelmente), Holandês (Razoavelmente).
Fala
Speaking
Francês (Bem), Inglês (Bem), Espanhol (Razoavelmente), Alemão (Pouco), Italiano (Razoavelmente), Holandês (Pouco).

Reading
Francês (Bem), Inglês (Bem), Romeno (Razoavelmente), Espanhol (Bem), Alemão (Bem), Italiano (Bem), Latim (Bem), Grego (Bem), Hebraico (Pouco), Árabe (Pouco), Holandês (Bem).
Escreve
Writing
Francês (Bem), Inglês (Bem), Espanhol (Razoavelmente), Alemão (Pouco), Italiano (Pouco), Grego (Pouco), Holandês (Razoavelmente).




Membro de Associações Profissionais/Científicas (Professional/Scientific Association membership)
Mar/2016 - Actual Instituto de Estudos Filosóficos, Outros (especifique).
Coordenador Científico.
Jan/2006 - Jan/2016 U.I.D. Linguagem, Interpretação e Desenvolvimento, Membro.
Colaborador.
Ago/2002 - Ago/2012 Société Internationale pour l'Etude de la Philosophie Médiévale, Membro.
Membro da direcção.




Produção científica, técnica e artística/cultural (Scientific, technical and artistical/cultural production)
Livros publicados/organizados ou edições
Published/organized books or Editions
1. Carvalho, Mário S.; Camps, Maria C. 2016. Cor, Natureza e Conhecimento no Curso Aristotélico Jesuíta Conimbricense (1592-1606). ed. 1. Coimbra: IUC.
2. Carvalho, Mário S.. 2015. Psicologia e Etica nel ‘Cursus Conimbricensis’. ed. 1. Roma: Anicia.
3. Carvalho, Mário S.; Martins, António M. eds. 2014. Miguel Baptista Pereira. Obras Completas I: Pedro da Fonseca: dissertações de licenciatura e de doutoramento ed. 1. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian.
4. Carvalho, Mário A. S.. 2012. Roberto Grosseteste. Tratado da luz e outros opúsculos sobre a cor e a luz. Tratado da luz, A cor, O movimento dos corpos e a luz. ed. 1. Porto: Afrontamento.
5. Carvalho, Mário S.. ed. 2011. Comentários a Aristóteles do Curso Jesuíta Conimbricense (1592-1606). Antologia de Textos. ed. 2. LIF: Faculdade de Letras da Univesidade de Coimbra.
6. Carvalho, Mário A. S.. 2010. Psicologia e Ética no Curso Jesuíta Conimbricense. ed. 1. Lisboa: Colibri.
7. Medeiros, Filipa. 2009. Manuel de Góis. Tratado da Felicidade. ed. 1. Lisboa: Edições Sílabo.
8. Carvalho, Mário A. S.. 2006. Falsafa. Breve introdução à filosofia arábico-islâmica. ed. 1. Coimbra: Ariadne.
9. Carvalho, Mário A. S.. 2006. Falsafa. ed. 1. Coimbra: Ariadne.
10. Carvalho, Mário A. S.. 2001. Lógica e paixão. Abelardo e os Universais. ed. 1. Coimbra: MinervaCoimbra.
11. Carvalho, Mário A. S.. 2001. Estudos sobre Álvaro Pais e outros franciscanos (séculos XIII-XV). ed. 1. Lisboa: Imprensa nacional Casa da Moeda.
12. Carvalho, Mário A. S.. 1997. Roteiro Temático-Bibliográfico de Filosofia Medieval. ed. 1. Lisboa: Edições Colibri.

Capítulos de livros publicados
Published book chapters
1. Carvalho, Mário S.. 2016. Beyond Psychology – The Philosophical Horizon of the ‘Coimbra Commentary on Aristotle’s De Anima’ (1598).  In Cognitive Psychology in Early Jesuit Scholasticism, 67 - 95. . Neunkirchen: editiones schlasticae.
2. Carvalho, Mário S.. 2016. A Consolação da Filosofia, segundo Amador Arrais. Uma ontologia da compaixão.  In Pasiones y virtudes en la época del Greco, 151 - 169. . Pamplona: EUNSA.
3. Carvalho, Mário S.. 2015. A absolução da Natureza e a natureza do Humano. Dois motivos nucleares do Curso Jesuíta Conimbricense.  In De Natura. La naturaleza en la Edad Media, 39 - 61. . Vila Nova de Famalicão: Húmus.
4. Carvalho, Mário A. S.. 2013. ’Amantes amentes’ O papel da memória na antropologia das paixões, segundo o Curso Jesuíta Conimbricense.  In La Filosofía de las Pasiones y la Escuela de Salamanca Edad Media y Moderna, ed. Manuel Lázaro Pulido, José Luis Fuertes Herreros, Ángel Poncela González, 119 - 137. . Cáceres: Instituto Teológico “: Servicio de Publicaciones. Diócesis de Coria-Cáceres.
5. Carvalho, Mário A. S.; Forlivesi, Marco; Piaia, Gregorio. 2011. Il destino della metafisica nella modernizzazione dell’università portoghese all’epoca di Luís António Verney (1713-1792).  In Innovazione filosofica e Università fra Cinquecento e primo Novecento. Philosophical Innovation and the University from teh 16th Century to the Early 20th, 227 - 243. . Padova: CLEUP.
6. Carvalho, Mário A. S.. 2009. Psicofisiologia e teologia das paixões: breve contributo para o tema da (des-)valorização das paixões no século XVI tomista.  In De las Pasiones en la Filosofia Medieval, ed. Giannina Burlando, 391 - 402. . Santiago de Chile: Pontificia Universidad Católica de Chile - SIEPM.
7. Carvalho, Mário A. S.; Burlando, Giannina. 2002. El uso de Aristóteles por Enrico de Gante.  In La Filosofia Medieval, 179 - 194. . Madrid: Editorial Trotta.
8. Carvalho, Mário A. S.; Porro, Pasquale. 2001. The Concept of Time According to the Coimbra Commentaries.  In The Medieval Concept of Time, 353 - 382. . Leiden: E.J. Brill.
9. Carvalho, Mário A. S.; Hamesse, Jacqueline; Steel, Carlos. 2000. Le langage de la création et l'enjeu de la causalité dans quelques textes théologiques 'De aeternitate mundi'.  In L'Élaboration du Vocabulaire Philosophique au Moyen Age, 293 - 321. . Turnhout: Brepols.

Artigos em revistas com arbitragem científica
Papers in periodics with scientific refereeing
1. Carvalho, Mário S.. 2015. "Filosofia da Educação Conimbricense. Sobre o ‘De Magistro’ de Sebastião do Couto (no ‘Curso Aristotélico Jesuíta de Coimbra’, 1606)", Revista Filosófica de Coimbra, 47: 149 - 165.
2. Carvalho, Mário S.. 2015. "Ensinar Filosofia na Coimbra do Século XVI: o caso dos ‘Commentarii Collegii Conimbricensis S.I.’ (1592-1606)", Noctua. International on-line Journal on the History of Philosophy, 1-2: 182 - 2013.
3. Carvalho, Mário A. S.. 2014. "Presenças do estoicismo no ‘Curso Aristotélico Jesuíta Conimbricense (1592-1606)", Revista Filosófica de Coimbra, 46: 349 - 373.
4. Carvalho, Mário A. S.. 2014. "A receção da psicologia aristotélica (séc. XVI) em Roma e em Coimbra", Revista Filosófica de Coimbra, 45: 89 - 111.
5. Carvalho, Mário S.. 2014. "Between Rome and Coimbra: A Preliminary Survey of two Early Jesuit Psychologies (Benet Perera and the Coimbra Course)", Quaestio. Annuario di Storia della metafisica, 14: 91 - 110.
6. Carvalho, Mário A. S.. 2013. "Uma modernidade perdida. Da melancolia à alegria racional na antropologia do Homem superior, segundo D. Duarte", Revista Filosófica de Coimbra 22, 43: 187 - 206.
7. Carvalho, Mário A. S.. 2013. "Pierre Bayle et la critique d’Averroès à Coimbra. Deux épisodes de l’histoire de la réception d’Averroès", Revista Filosófica de Coimbra 22, 44: 417 - 432.
8. Carvalho, Mário A. S.. 2013. "Pierre Bayle et la critique d’Averroès à Coimbra", Revista Filosófica de Coimbra, 44: 417 - 432.
9. Carvalho, Mário S.. 2013. "O que significa ouvir? A ‘audiência’ como constituinte da Filosofia da Música enquanto Filosofia Pura", Biblos, 11: 341 - 356.
10. Carvalho, Mário A. S.. 2012. "’Amantes amentes’ O papel da memória na antropologia das paixões, segundo o Curso Jesuíta Conimbricense", Cauriensia, 7: 121 - 139.
11. Carvalho, Mário A. S.. 2012. "’Amantes amentes’", Cauriensia, 7: 121 - 139.
12. Carvalho, Mário A. S.. 2011. "De um tom de modéstia a adoptar para já em Filosofia. Sobre os cem anos de Filosofia na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra", Revista Filosófica de Coimbra 20, 39: 451 - 484.
13. Carvalho, Mário A. S.. 2011. "Um inédito de Miguel Baptista Pereira sobre Filosofia Medieval", Revista Filosófica de Coimbra 20, 39: 263 - 280.
14. Carvalho, Mário A. S.. 2010. "A propósito de um desacerto de interpretação sobre Boécio em 'La Philosophie Médiévale'", Revista Filosófica de Coimbra 19, 37: 177 - 186.
15. Carvalho, Mário A. S.. 2010. "Vieira de Almeida e a 'tranchée' de Agostinho. Sobre a História da Filosofia", Revista Filosófica de Coimbra 19, 38: 235 - 272.
16. Carvalho, Mário A. S.. 2010. "Imaginação, pensamento e conhecimento de si no Comentário Jesuíta Conimbricense à psicologia de Aristóteles", Revista Filosófica de Coimbra 19, 38: 25 - 52.
17. Carvalho, Mário A. S.. 2009. "Tra Fonseca e Suárez: una metafisica incompiuta a Coimbra", Quaestio. Annuario di storia della metafisica, 9: 41 - 59.
18. Carvalho, Mário A. S.. 2007. "The Coimbra Jesuits’ Doctrine on Universals (1577-1606)", Documenti e Studi sulla Tradizione Filosofica Medievale. An International Journal on the Philosophical Tradition from Late Antiquity to the Late Middle Ages of the ‘Società Internazionale per lo Studio del Medioevo Latino’ (S.I.S.M.E.L.) , 18: 531 - 543.
19. Carvalho, Mário A. S.. 2000. "Die Dionysius-Rezeption im portugiesischen Mittelalter", Archiv für mittelalterliche Philosophie und Kultur, 6: 133 - 148.

Artigos em revistas sem arbitragem científica
Papers in periodics without scientific refereeing
1. Carvalho, Mário A. S.. 2011. "Sulle spale di Aristotele. Sul non-aristotelismo del primo corso aristotelico dei Gesuiti di Coimbra", Lo Sguardo. Rivista di Filosofia, V (1): 45 - 58.
2. Carvalho, Mário A. S.. 2011. "Sulle spalle di Aristotele.", Lo Sguardo Rivista di Filosofia 5, 1: 45 - 58.
3. Carvalho, Mário S.. 2010. "Antero e o futuro da música", Itinerarium 56, 1: 645 - 659.
4. Carvalho, Mário A. S.. 2009. "‘Aliqua est effectibilis, ergo aliqua effectiva’. Originalidade e novidade em Filosofia", Itinerarium, 55: 311 - 327.
5. Carvalho, Mário A. S.. 2009. "O argumento antropológico. Henrique de Gand e Santo Anselmo", Philosophica, 34: 293 - 308.
6. Carvalho, Mário A. S.. 2009. "O Lugar do Homem no Cosmos ou o lugar do cosmos no Homem? O tema da perfeição do universo antes do paradigma do mundo aberto, segundo o comentário dos jesuítas conimbricenses", Veritas, 54: 3: 142 - 155.
7. Carvalho, Mário S.. 2008. "Viver segundo o Espírito", Revista Portuguesa de Filosofia 64, 1: 19 - 51.

Trabalhos completos/resumidos em eventos sem arbitragem científica
Papers in conference proceedings without scientific refereeing
1. Carvalho, Mário S.. 2016. "Beyond Psychology. The philosophical Horizon of the 'Coimbra Commentary on Aristotle's De Anima'", Trabalho apresentado em Cognitive Psychology of the first philosophers of the Society of Jesus, In Cognitive Psychology in Early Jesuit Scholasticism, Ceske Budejovice.
2. Carvalho, Mário S.. 2003. "Between Rome and Coimbra: A Preliminary Survey of the two Early Jesuit Psychologies (Benet Perera and the Coimbra Course)", Trabalho apresentado em Benet Perera. A Renaissance Jesuit at the Crossroads of Modernity, In Benet Perera (Pererius, 1535-1610). A Renaissance Jesuit at the Crossroads of Modernity, Roma.
3. Carvalho, Mário S.. 2005. "Psicofisiologia e teologia das paixões: breve contributo para o tema da (des-)valorização das paixões no século XVI tomista", Trabalho apresentado em X Congreso Latino-Americano de Filosofia Medieval, In De las Pasiones en la Filosofía Medieval, Santiago do Chile.
4. Carvalho, Mário A. S.. 2002. "Intellect et Imagination: la ‘scientia de anima’ selon les ‘Commentaires du Collège des Jésuites de Coimbra’", Trabalho apresentado em XIe. Congrès International de la S.I.E.P.M., In Intellect et Imagination dans la Philosophie Médievale, Porto.
5. Carvalho, Mário A. S.. 2001. "On the Unwritten Section of Henry of Ghent’s Summa: ‘loquendo de productione creaturae’", Trabalho apresentado em Henry of Ghent and the Transformation of Scholastic Thoght, In Henry of Ghent and the Transformation of Scholastic Thoght. Studies in Memmory of Jos DEcorte, Leuven.
6. Carvalho, Mário A. S.. 2000. "The Concept of Time According to The Coimbra Commentaries", Trabalho apresentado em The Scholastic Debate and its Reception in Early Modern Philosophy, In The Medieval Concept of Time, Leiden.
7. Carvalho, Mário A. S.. 1998. "Le Langage de la Création et L’Enjeu de la Causalité dans quelques Textes Théologiques ‘De Æternitate Mundi’", Trabalho apresentado em Colloque international de la S.I.E.P.M., In L´Élaboration du Vocabulaire Philosophique au Moyen Age, Louvain-la-Neuve, Leuven.
8. Carvalho, Mário S.. 1999. "Die Dionysius-Rezeption im poetugiesischen Mittelalter", Trabalho apresentado em Die Dionysius-Rezeption im Mittelalter, In Archiv fuer Mittelalterliche Philosophie und Kultur, Sófia.
9. Carvalho, Mário S.. 1997. "Medieval Influences in the Coimbra Commentaries", Trabalho apresentado em The Foundations of Jesuit Education, In Patristica et Medievalia, Maryland.
10. Carvalho, Mário S.. 1993. "The Problem of the Possible Eternity of the World according to Henry of Ghent and his Historians", Trabalho apresentado em Henry of Ghent. International Colloquium on the Occasion of the 700th Anniversdary of his death, In Henry of Ghent. Proceedings of the International Colloquium on the Occasion of the 700th Anniversdary of his death, Leuven.

Prefácio, Posfácio
Preface, Postface
1. Carvalho, Mário A. S.; Camps, Maria C. 2010. "«Introdução Geral à Tradução, Apêndices e Bibliografia», in Comentários do Colégio Conimbricense da Companhia de Jesus Sobre os Três Livros Da Alma de Aristóteles Estagirita. Tradução do original latino por Maria da Conceição Camps, Lisboa: Edições Sílabo, 2010, 7-157". Lisboa. (Introdução)
2. Carvalho, Mário A. S.; Bezerra, Cícero C. 2009. "«Prólogo»". São Paulo. (Introdução)
3. Carvalho, Mário A. S.; Bernardo, Fernanda. 2001. "«Apresentação» in Jacques Derrida, Cosmopolitas de todos os Países, mais um Esforço! Tradução de Fernanda Bernardo. Coimbra: MinervaCoimbra (Hermes: 1), 2001, 7-12". Coimbra. (Apresentação)

Tradução
Translation
1. Carvalho, Mário S.. 2013. "Tomás de Aquino. O Ente e a Essência, De Ente et Essentia", 142 pp.. Porto: Afrontamento. (Livro)
2. Carvalho, Mário A. S.; Camps, Maria C; Panti, Cecilia. 2012. "Roberto Grosseteste, Tratado da Luz e outros opúsculos sobre a cor e a luz", 113 pp.. Porto: Edições Afrontamento. (Livro)
3. Carvalho, Mário A. S.. 2004. "Raimundo Llull. Vida Coetânea. Introdução, tradução, anotações, quadros e índices", 107 pp.. Coimbra: Ariadne. (Livro)
4. Carvalho, Mário A. S.. 2003. "Teodorico de Freiberg. O Ente e a Essência. Tradução, Apresentação, Notas, Índices e Glossário", 71 pp.. Coimbra: Minerva. (Livro)
5. Carvalho, Mário A. S.. 1999. "São Tomás de Aquino. A Unidade do Intelecto Contra os Averroístas. Tradução, apresentação, glossário, quadro cronológico, índice onomástico.", 205 pp.. Lisboa: Edições 70. (Livro)
6. Carvalho, Mário A. S.. 1998. "João Duns Escoto. Tratado do Primeiro Princípio. Tradução do latim e Nótula Introdutória", 143 pp.. Lisboa: Edições 70. (Livro)
7. Carvalho, Mário A. S.. 1996. "Boécio de Dácia. A Eternidade do Mundo. Tradução, introdução e notas.", 117 pp.. Lisboa: Edições Colibri. (Livro)
8. Carvalho, Mário A. S.. 1996. "Pseudo-Dionísio Areopagita. Teologia Mística. Tradução do grego e Estudo Complementar (Mediævalia. Textos e Estudos, 10), Porto, 1996, 125 p", 125 pp.. Porto: Fundação Eng. António de Almeida. (Livro)
9. Carvalho, Mário A. S.. 1996. "São Boaventura. Recondução das Ciências à Teologia. Tradução e Posfácio.", 107 pp.. Porto: Porto Editora. (Livro)
10. Carvalho, Mário A. S.; Macken, Raymond. 1996. "Henrique de Gand. Sobre a Metafísica do Ser no Tempo (Questões Quodlibéticas I, 7/8 - 9 e 10). Edição bilingue.", 175 pp.. Lisboa: Edições 70. (Livro)
11. Carvalho, Mário A. S.. 1995. "Tomás de Aquino. O Ente e a Essência. Versão do latim e Introdução.", 107 pp.. Porto: Edições Contraponto. (Livro)
12. Carvalho, Mário A. S.. 1992. "Noção, medição e possibilidade do Vácuo segundo Henrique de Gand.", 4 pp.. Coimbra: Revista Filosófica de Coimbra. (Artigo)
13. Carvalho, Mário A. S.. 1992. "Santo Agostinho. A Natureza do Bem. Introdução, Tradução e Notas.", 121 pp.. Porto: Fundação Eng. António de Almeida. (Livro)
14. Carvalho, Mário A. S.. 1986. "Santo Agostinho. Diálogo Sobre a Felicidade. Tradução do original latino, introdução e notas.", 111 pp.. Lisboa: Edições 70. (Livro)



Curso de curta duração lecionado
Taught short course
1. Carvalho, Mário S.. Western Theory of the Soul, 2016 (Especialização), promovido por Sun Yat-sen University.
Duração: 2 semanas. Local: Center for Guanghzhou and Cultural Exchange Archive for Introduction of Western Thought, Cidade: Guangzhou, Tipo de participação: Docente.
2. Carvalho, Mário S.. Psicologia conimbricense, 2013 (Extensão), promovido por Universidad de Salamanca.
Duração: 8 horas. Local: Salamanca, Cidade: Salamanca, Tipo de participação: Docente.
3. Carvalho, Mário S.. Filosofia Medieval, 2003 (Outra), promovido por Centre Universitaire du Luxembourg, Département des Lettres et des Sciences Humaines. Structures et Programmes.
Duração: 4 semanas. Local: Luxemburgo, Cidade: Luxemburgo, Tipo de participação: Docente.
4. Carvalho, Mário S.. Ontologia, 1998 (Outra), promovido por Departamento de História, Filosofia e Ciências Sociais.
Duração: 2 semanas. Local: São Miguel, açores, Cidade: Ponta Delgada, Tipo de participação: Docente.

Desenvolvimento de material didáctico ou pedagógico
Didactic and pedagogic material development
1. Carvalho, Mário A. S.. Aristutalis al-faylasuf,2011. 
2. Carvalho, Mário A. S.. Roteiro Temático-Bibliográfico de Filosofia Medieval,1997. 





Dados Complementares (Additional data)


Orientações
Orientations


Tese de Doutoramento
Phd Thesis
Concluídas
Completed
1. Diogo Maria Pessoa Jorge Morais Barbosa, Imagem de Deus e região de indigência: a transcendência e a falta como dimensões constituintes do Homem segundo Agostinho, 2017. Tese (Filosofia Antiga e Medieval) - Universidade de Coimbra, Bolseiro(a) de Fundação para a Ciência e a Tecnologia (Orientador).
2. Marisa das Neves Henriques, A caminho de uma espiritualidade laica: Ciência, Filosofia e Teologia no ‘Orto do Esposo’ (tensões histórico-filológicas e semânticas), 2013. Tese (Filosofia e Cultura Portuguesas) - Universidade de Coimbra (Orientador).
3. Jairzinho Lopes Pereira, Augustine of Hippo and Martin Luther on Original Sina and Justification of the Sinner, 2012. Tese (Teologia) - University of Helsinki, Bolseiro(a) de Fundação para a Ciência e a Tecnologia (Co-orientador).
4. Bernardino Fernando da Costa Marques, Mundividência Cristã no Sermonário de Frei Paio de Coimbra. Edição Crítica da “Summa Sermonum de Festiuitatibus” Magistri Fratris Pelagii Parui Ordinis Praedicatorum AD 1250. Cod. Alc 5/CXXX B.N. Lisboa., 2011. Tese (Filosofia Antiga e Medieval) - Universidade de Coimbra (Co-orientador).
5. Joaquim José Jacinto Escola, Comunicação e Educação em Gabriel Marcel, 2003. Tese (Filosofia da Educação) - Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (Orientador).


Dissertação de Mestrado
Master degree dissertation
Concluídas
Completed
1. José Guilherme Bandeira Antunes Sutil, A irrenunciabilidade da existência: Tomás de Aquino a partir da análise lógica contemporânea, 2017. Dissertação (Filosofia Antiga e Medieval) - Universidade de Coimbra (Orientador).
2. Fernando Jorge Afonso Lobo Neves, O desvelamento em música. Estudo sobre a não-execução musical, 2015. Dissertação (Filosofia) - Universidade de Coimbra (Orientador).
3. Gonçalo José Gomes Figueiredo, Liberdade e Vontade em João Duns Escoto. Leitura da Quodlibética XVI, 2010. Dissertação (Filosofia Antiga e Medieval) - Universidade de Coimbra (Orientador).
4. Joana de Fátima Gonçalves Pita do Serrado, ‘Minnen, Varen, Verwandelen’. Três verbos místicos em Hadewijch de Antuérpia, 2005. Dissertação (Filosofia Medieval) - Universidade do Porto (Orientador).
5. Ana Lúcia Pedro Cruz, A desconstrução do signo em J. Derrida, 2003. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de Coimbra (Co-orientador).
6. José Rui Teixeira, O problema da guerra justa em Álvaro Pais, 2002. Dissertação (Filosofia Medieval) - Universidade do Porto (Orientador).
7. Manuel Fernando Faria Souto, A problemática filosófico-teológica no 'Horologium Fidei' de André do Prado, 1997. Dissertação (Filosofia Medieval) - Universidade do Porto (Orientador).


Outros Trabalhos
Other production
1. Carvalho, Mário A. S.. Dialog. Ciprian Valcan în dialog cu Mário Santiago de Carvalho, 2014.



Participação no júri de Graus Académicos
Academic Degrees jury participation


Doutoramento
Phd
1. Carvalho, Mário Santiago de. Participação no júri de Jacopo Francesco Falà. Univocità, statuto delle essenze e scienza divina nelle 'Collationes oxonienses'. Un dibattito nell'ordine minorita inglese agli inizi del XIV secolo, 2017. Tese (Filosofia, Storia della Filosofia e Scienze Umane. Ciclo XXIX) - Università degli Studi di Macerata.
2. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de Eduardo José de Abrantes Silva. Voice and Presence, 2016. Tese (Ontologia da Natureza) - Universidade Nova de Lisboa.
3. Carvalho, Mário Avelino Santiago de; José Félix Alvarez Alonso. Participação no júri de José Félix Alvarez Alonso. Cinco Homilias de Alfonso de Castro sobre el Salmo 50. Análisis semiótico-lingüístico, edición crítica y traducción, 2015. Tese (Filología Clasica) - Universidad Pontificia de Salamanca.
4. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de Gonçalo José Gomes de Figueiredo. 'De Fruitione' Fruição e Metafísica no pensamento de João Duns Escoto, 2015. Tese (Filosofia Medieval) - Universidade do Porto.
5. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de Maria Matos Meireles Graça. Para uma Metafísica da Música como Vontade e Representação a partir da Filosofia de Arthur Schopenhauer, 2014. Tese (Filosofia da Música) - Universidade do Porto.
6. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de Marisa das Neves Henriques. A caminho de uma espiritualidade laica: Ciência, Filosofia e Teologia no ‘Orto do Esposo’ (tensões histórico-filosóficas e semânticas, 2013. Tese (Filosofia e Cultura Portuguesas) - Universidade de Coimbra.
7. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de Jairzinho Lopes Pereira. Augustine of Hippo and Martin Luther on Original Sin, 2012. Tese (Teologia) - Helsingin Yliopisto. Teologinen Tiedekunta.
8. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de Cláudio Pedrosa Nunes. Filosofia do Direito em Saõ Tomás de Aquino, 2011. Tese (Filosofia Antiga e Medieval) - Universidade de Coimbra.
9. Carvalho, Mário Avelino Santiago de; José Francisco Meirinhos. Participação no júri de Bernardino Fernando da Costa Marques. Frei Paio de Coimbra. Edição Crítica do Sermonário, 2011.
10. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de Cristóvão da Silva Marinheiro. Logique et Ontologie chez Antonio Bernardi (1502-1565), 2010. Tese (História da Filosofia) - Universite de Paris V (Rene Descartes).
11. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de Maria Simone Marinho Nogueira. ’Amor’, ‘caritas’ e ‘dilectio’ – Elementos para uma Hermenêutica do Amor no Pensamento de Nicolau de Cusa, 2009. Tese (Filosofia Antiga e Medieval) - Universidade de Coimbra.
12. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de Joaquim das Neves Vicente. Educação, Retórica e Filosofia. A Partir de Olivier Reboul. Subsídios para uma Filosofia da Educação Escolar, 2009. Tese (Filosofia da Educação) - Universidade de Coimbra.
13. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de António Joaquim Rocha Martins. Analogia e Metáfora em São Boaventura. Uma Poética do pensamento, 2009. Tese (Filosofia Medieval) - Universidade de Lisboa.
14. Carvalho, Mário Avelino Santiago de; Martin W. F. Stone. Participação no júri de João Madeira. Pedro da Fonseca's Isagoge Philosophica and the Predicables from Boethius to the Lovanienses, 2008. Tese (Early Modern Philosophy) - Katholieke Universiteit Leuven.
15. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de Paula Isabel do Vale Oliveira e Silva. Ordem e Ser. Dimensão ontológica do ‘cogito’ augustiniano, 2005. Tese (Filosofia Medieval) - Universidade de Lisboa.
16. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de José Maria Silva Rosa. O primado da relação. Da intencionalidade trinitária da filosofia, 2005. Tese (Filosofia) - Universidade Católica Portuguesa.
17. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de Marta Maria de Mendonça. A doutrina das modalidades de G.W. Leibniz, 2001. Tese (Filosofia Moderna) - Universidade Nova de Lisboa.
18. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de José Antônio de Camargo Rodrigues de Souza. O pensamento social de S. António, 2001. Tese (Filosofia Medieval) - Universidade Nova de Lisboa.
19. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de Oscar Federico Bauchwitz. Hacia el silencio. Para una fundamentación ética a partir de la filosofía de Juan Escoto Eriúgena, 2001. Tese (Filosofia) - Universidad de Salamanca.


Mestrado
Master degree
1. Carvalho, Mário Santiago de. Das notícias à filosofia. Dispositivos de problematização: a notícia como recurso pedagógico-didático no ensino-aprendizagem da filosofia, 2016. 
2. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de Ana Isabel da Silva Baila Madeira Antunes. Como educar para a e na cidadania?, 2015.  Dissertação (Mestrado na área de Ensino da Filosofia no Ensino Secundário) - Universidade de Coimbra.
3. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de Diogo Maria Pessoa Jorge Morais Barbosa. “Natura semper in se curva” – A vinculação a si e a possibilidade de desvinculação segundo Duns Escoto, 2011.  Dissertação (Filosofia Medieval) - Universidade Nova de Lisboa.
4. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de Gonçalo José Gomes Figueiredo. Liberdade e Vontade em João Duns Escoto. Leitura da Quodlibética XVI, 2010.  Dissertação (Filosofia Antiga e Medieval) - Universidade de Coimbra.
5. Carvalho, Mário Avelino Santiago de; Joana de Fátima Gonçalves Pita do Serrado. Participação no júri de Joana de Fátima Gonçalves Pita do Serrado. Amar, Experienciar, Transformar: ‘Minnen, Varen, Verwandelen’. Três verbos místicos em Hadewijch de Antuérpia, 2005.  Dissertação (Filosofia Medieval) - Universidade do Porto.
6. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de Manuel António Filipe dos Santos. As obras filosófica e teológicas de pedro Hispano: estudo histórico-crítico, 1995.  Dissertação (Filosofia Medieval) - Universidade do Porto.
7. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de José Manuel Curado. Epistemologia das representações 'post mortem' em Platão, 1995.  Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Nova de Lisboa.
8. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de Manuel de Jesus Couraceiro. Sensus et Ratio: para um estudo do pensamento gnoseológico de Santo António de Lisboa, 1994.  Dissertação (Filosofia Medieval) - Universidade do Porto.


Agregação
Aggregation
1. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Participação no júri de José Gonçalves Gama. Discussão do CV, 2012. Agregação em (Filosofia em Portugal) - Faculdade de Filosofia da Universidade Católica (Braga).
2. Carvalho, Mário Avelino Santiago de; Maria Leonor Lamas de Oliveira Xavier. Participação no júri de Maria Leonor Lamas de Oliveira Xavier. Relatório de Agregação, 2011. Agregação em (Filosofia Medieval) - Universidade de Lisboa.


Participação em Comissões de Avaliação
Evaluation comissions participation
1. Programme Scientific Independence of Young Researchers, 2014, Ministerio dell Istruzione, dell Università e della Ricerca.
2. FCT, 2010.


Participação editorial em revistas
Magazine editorial participation
1. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Revista Filosófica de Coimbra, desde 2010/01/12, Função ou tipo de participação: Editor.
2. Carvalho, Mário Avelino Santiago de. Quaestio. Annuario di storia della metafisica, desde 2001/01/12, Função ou tipo de participação: Conselho científico, Editora: Brepols.







Indicadores de produção (Production indicators)

Total
Produção científica
Scientific production
74

Livros e capítulos
Books and book chapters
21
Livros publicados ou organizados
Published or organized books
12
Capítulos de livros publicados
Published book chapters
9
Artigos científicos em revistas
Papers in periodics
26
Com arbitragem científica
With scientific refereeing
19
Sem arbitragem científica
Without scientific refereeing
7
Trabalhos em eventos
Papers in conference proceedings
10
Sem arbitragem científica
Without scientific refereeing
10
Outros tipos de produção científica
Other scientific production
17

Total
Produção técnica
Technical production
6

Outros tipos de produção técnica
Other technical production
6

Total
Dados complementares
(Additional data)
44

Orientações
Orientations
12
Outros Trabalhos
Other production
1
Participação no Júri de Graus Académicos
Academic Degrees jury participation
27
Participação em Comissões de Avaliação
Evaluation comissions participation
2
Participação editorial em revistas
Magazine editorial participation
2


Outras informações relevantes
Professor Catedrático (2002) da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra.
Licenciado em Filosofia (1983) e Mestre em Filosofia Medieval pela Universidade do Porto (1987), doutorou-se em Letras (1994), pela Universidade de Coimbra, após estudos realizados na Bélgica (Hoger Instituut voor Wijsbegeerte - Katholieke Universiteit Leuven), como bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian.
Dedica-se ao ensino graduado e pós-graduado (Universidades de Coimbra, do Porto, de Lisboa, dos Açores, do Luxemburgo e da Universidade Sun-Yat Sen na República Popular da China), especialmente nas áreas da História da Filosofia (Antiga, Medieval e Moderna) e da Metafísica, e já traduziu já mais de uma dezena de obras filosóficas de autores gregos e latinos.<br> Foi assessor da direcção da ‘Société Internationale pour l’Étude de la Philosophie Médiévale’ (2007-2012), presidente da ‘Associação de Professores de Filosofia’ (2004-06), membro da ‘Associação Portuguesa de Estudos Neo-Latinos’ e da ‘Sociedade Portuguesa de Estudos Medievais’, vice-presidente do ‘Gabinete de Filosofia Medieval’ da Universidade do Porto, e da ‘Sociedade Portuguesa de Filosofia Medieval’.<br> Integra ou integrou já as comissões científicas das seguintes publicações: Revista Filosófica de Coimbra, Biblos: Revista da Faculdade de Letras (Coimbra), Mediaevalia.
Textos e Estudos (Porto), Revista de Filosofia (Venezuela), Análise (Lisboa), Bulletin de Philosophie Médiévale (Bélgica), Quaestio.
Annuario di storia della metafísica (Itália) e Documenti e Studi sulla Tradizione Filosofica Medievale.
An International Journal on the Philosophical Tradition from Late Antiquity to the Late Middle Ages of the ‘Società Internazionale per lo Studio del Medioevo Latino (S.
I.
S.
M.
E.
L.
, Firenze, Itália).


Visualizações do curriculum [ 6604 ]
 
Página gerada pela Plataforma de Curricula DeGóis promovida pela FCT e pelo Gávea/DSI/UM em 24-05-2019 às 20:38:46
Plataforma de Curricula DeGóis: http://www.degois.pt | Icons by Axialis Team