Curriculum Vitae

Alcina Manuela de Oliveira Martins

Data da última atualização »Last update : 24/07/2018


Alcina Manuela de Oliveira Martins. É Professor Catedrático na Universidade Lusófona do Porto. Publicou 23 artigos em revistas especializadas e 12 trabalhos em actas de eventos, possui 4 capítulos de livros e 3 livros publicados. Recebeu 1 prémio e/ou homenagem. Actua na área de Ciências da Educação Nas suas actividades profissionais interagiu com 20 colaboradores em co-autorias de trabalhos científicos.


Endereço de acesso a este CV:

http://www.degois.pt/visualizador/curriculum.jsp?key=0356387630832147


Dados pessoais (Personal data)
Nome completo
Full name
Alcina Manuela de Oliveira Martins
Nome em citações bibliográficas
Quoting name
Martins, Alcina Manuela de Oliveira
Categoria profissional
Position
Professor Catedrático
Domínio científico de atuação
Scientific domain
Ciências Sociais-Ciências da Educação.
Endereço profissional
Professional address
Universidade Lusófona do Porto
Rua Augusto Rosa, nº24
Porto
4000-098 Porto
Portugal
Telefone: (+351)222073230
Correio electrónico: amom@ulp.pt
Sexo
Gender
Feminino»Female




Graus Académicos (Academic Degrees)
2003 Agregação
Aggregation
Universidade Nova de Lisboa, Portugal.

1999 Doutoramento
Phd
História.
Universidade Portucalense Infante Dom Henrique, Portugal.

1991 Mestrado
Master degree
Mestrado em História Medieval (2 anos » years) .
Universidade do Porto, Portugal.

1987 Licenciatura
Licentiate degree
Licenciatura em Ciências Históricas (5 anos » years) .
Universidade Portucalense Infante Dom Henrique, Portugal.





Vínculos profissionais (Professional Positions)
Universidade Lusófona do Porto
Fev/2008-Actual Professor Catedrático

Universidade Portucalense Infante Dom Henrique
Out/2003-2008 Professor Associado com Agregação

Universidade Portucalense Infante Dom Henrique
Out/2001-2003 Professor Associado

Universidade Portucalense Infante Dom Henrique
Out/1999-Set/2001 Professor Auxiliar

Universidade Portucalense Infante Dom Henrique
Out/1988-Set/1999 Assistente





Prémios e títulos (Awards Prizes, and Honours)
1988 Prémio Fundação Eng. António de Almeida, Fundação Eng. António de Almeida.




Membro de Associações Profissionais/Científicas (Professional/Scientific Association membership)
Jan/2011 - Actual Sociedade Portuguesa de Educação, Membro.
2006- Actual Academia Portuguesa de História, Membro.
2002- 2003 Amigos do Solar Condes de Resende/ Confraria Queirosiana, Membro.




Produção científica, técnica e artística/cultural (Scientific, technical and artistical/cultural production)
Livros publicados/organizados ou edições
Published/organized books or Editions
1. Martins, Alcina M. O. 2001. O mosteiro de S. Salvador de Vairão na Idade Média: o percurso de uma comunidade feminina. ed. 1, 1 vol., ISBN: 972-9354-36-7. Porto: Universidade Portucalense.
2. Martins, Alcina M. O. 1999. Os Votos de S. Tiago no Norte de Portugal (sécs XII-XV). ed. 1, 1 vol., ISBN: 84-453-0883-1. santiago de compostela: Xunta de Galicia.
3. Martins, Alcina M. O; Moreno, Humberto B. 1994. Figuras da realeza portuguesa em peregrinação a Santiago In Santiago, Caniño de Europa (Culto e cultura en la peregrinação a Compostela). ed. 1, 1 vol.. Santiago de Compostela: Xunta de Galicia.

Capítulos de livros publicados
Published book chapters
1. Costa, E.P.; Torrego, R. C; Martins, A.M.O.. 2016. Gabinetes de mediação de conflitos: estruturas de pacificação, dinâmica e resultados.  In Sustentabilidade da Mediação Social: processos e práticas , ed. A. M. C.Silva; M. L. Carvalho & L. R. Oliveira , 107 - 118. ISBN: 978-989-8600-53-0. Braga: CECS.
2. Martins, Alcina M. O. 2003. A mulher entre a norma e a prática na Idade Média.  In Os reinos ibéricos na Idade Média: livro de Homenagem ao Professor Doutor Humberto Baquero Moreno, ed. Livraria Civilização, 99 - 102. ISBN: 972-26-2060-6. Porto: Livraria Civilização.
3. Martins, Alcina M. O. 2001. Votos de S. Tiago .  In Dicionário de História Religiosa de Portugal, ed. Circulo de Leitores, 371 - 372. ISBN: 972-42-2277-2. Lisboa: Círculo de Leitores.
4. Martins, Alcina M. O. 1999. O concelho de Valongo em meados do século XIII: uma época de expansão.  In Estudos de Homenagem a Joaquim M. da Silva Cunha, ed. Universidade Portucalense Infante D. Henrique, 783 - 803. ISBN: 972-8282-22-2. Porto: Universidade Portucalense Infante D. Henrique.

Artigos em revistas com arbitragem científica
Papers in periodics with scientific refereeing
1. Costa, E.P.; Torrego, R. C; Martins, Alcina M. O. 2016. "Desafios colocados pela avaliação de um projeto de mediação escolar", Revista Eixo 5, 3: 27 - 36.
2. Cruz, Hugo M; Gomes, Ana A; Martins, Alcina M. O. 2016. "Morning-Evening Types in Kindergarten, Time-of-Day and Performance on Basic Learning Skills", International Online Journal of Educational Sciences 8, 5: 30 - 41.
3. Manuela de O. M. A; Martins, Alcina M. O. 2016. "School’s Images: Students’ Perceptions about Teaching and Learning in the Geography", Journal of Modern Education Review 6, 6: 409 - 415.
4. Pinto, A.B.; Delgado, J.P.; Martins, A.M.O.. 2015. "Significados e perspectivas do insucesso escolar no ensino profissional em Portuga", Cadernos de Educação 51, 2015: 1 - 21.
Ensino Profissional.
5. Coimbra, M.N.C.T.; Martins, A.M.O.; Pinto, I.P.; Serradas, R.. 2015. "Practical reflectivity as a context for teachers´ professional development: a mixed-methods study.", Advances in Social Sciences Research Journal 1, 8: 176 - 187.
Professor Reflexivo.

6. Coimbra, M.N.C.T.; Martins, A.M.O.. 2014. "Case Studying Educational Research: A Way of Looking at Reality.", American Journal of Educational Research 1, 9: 391 - 395.
Estudo de Caso.

7. Borja, I.M; Martins, A.M.O.. 2014. "Evasão Escolar: desigualdade e exclusão social", Revista Liberato. Novo Hamburgo 15, 23: 91 - 101.
Evasão escolar.

8. Coimbra, M.N.C.T.; Martins, A.M.O.. 2013. "O estudo de caso como abordagem metodológica no ensino superior", Revista Nuances: Estudos sobre educação 24, 3: 31 - 46.
Estudo de caso.
9. Coimbra, M.N.C.T.; Marques, A.T.; Martins, A.M.O.. 2012. " Formação e supervisão: O que move os professores?", Revista Lusófona de Educação, 20: 31 - 46.
10. Cerqueira, M.F.; Martins, A.M.O.. 2011. "A consolidação da educação e formação profissional na escola secundária nos últimos 50 anos em Portugal", Revista Lusófona de Educação, 17: 123 - 145.
11. Martins, A.M.O.; Carvalho, C.I.. 2009. "No crepúsculo da vida: um olhar sentido sobre a vivência conjugal. ", Universitas Tarraconensis, Revista de Ciències de l’Éducació, III época: 3319 - 3328.
12. Martins, Alcina M. O; Carvalho, Margarida. 2007. "Violência sexual contra crianças e jovens na actualidade", Universitas Tarraconensis, Revista de Ciències de l’Éducació, III época: 7 - 22.
13. Martins, Alcina M. O; Carvalho, Margarida. 2006. "A violência doméstica por detrás do abandono escolar", Universitas Tarraconensis, Revista de Ciències de l’Éducación, Any XXX: 249 - 260.
14. Martins, Alcina M. O. 2005. "A (des)construção do paradigma da masculinidade ", Revista de Ciències de l’Éducació, Any XXIX: 7 - 22.
15. Martins, Alcina M. O. 2004. "Memória Arquivística medieval e moderna: os principais fundos arquivísticos portugueses", Revista de Ciências da Informação e da Documentação, 1: 59 - 75.

Trabalhos completos/resumidos em eventos com arbitragem científica
Papers in conference proceedings with scientific refereeing
1. Costa, E.P.; Torrego, R. C; Martins, A.M.O.. 2015. "O projeto de mediação de conflitos como dispositivo de melhoria de Escola", Trabalho apresentado em Seminário Internacional Educação, territórios e desenvolvimento Humano, In Atas do I Seminário Internacional Educação, territórios e desenvolvimento Humano, Porto.
Mediação de conflitos na escola.
2. Coimbra, M.N.C.T.; Martins, A.M.O.; Pinto, I.P.; Serradas, R.. 2015. "Ser ou não ser professor reflexivo: uma questão de formação e desenvolvimento profissional docente.", Trabalho apresentado em Seminário Internacional Educação, territórios e desenvolvimento Humano, In Atas do I Seminário Internacional Educação, territórios e desenvolvimento Humano, Porto.
Professor Reflexivo.
3. Graça, J.L; Martins, A.M.O.. 2015. " Desafios da liderança em contexto de agrupamento escolar. ", Trabalho apresentado em Seminário Internacional Educação, territórios e desenvolvimento Humano, In Atas do I Seminário Internacional Educação, territórios e desenvolvimento Humano, Porto.
Liderança escolar.

Artigos em revistas sem arbitragem científica
Papers in periodics without scientific refereeing
1. Martins, Alcina M. O. 2003. "Os forais manuelinos enquanto estratégia de poder do Venturoso", Vária Escrita 10, Tomo I : 109 - 118.
2. Martins, Alcina M. O. 2003. "A protecção concedida por D. Manuel às Monjas de Vairão", Revista de Ciências Históricas, 18: 65 - 76.
3. Martins, Alcina M. O. 1999. "Estratégias de afirmação do poder no feminino na Alta Idade Média: o exemplo de Vairão", Revista de Ciências Históricas, 1: 43 - 60.
4. Martins, Alcina M. O. 1995. "Entre-os-Rios e o seu foral manuelino", Revista Poligrafia, 1: 36 - 47.
5. Martins, Alcina M. O; Mata, Joel. 1995. "O foral de S. Tomé: de D. João I a D. João III", Revista de Ciências Históricas, XIII: 65 - 82.
6. Martins, Alcina M. O. 1993. "A implantação dos Votos de S. Tiago no bispado do Porto", Revista Poligrafia 2, 2: 35 - 46.
7. Martins, Alcina M. O; Mata, Joel. 1993. "A contestação tributária dos moradores da Capitania do Funchal", Revista de Ciências Históricas, VIII: 65 - 82.
8. Martins, Alcina M. O; Mata, Joel. 1992. "O foral Manuelino de Torre de Moncorvo", Revista de Ciências Históricas, VII: 47 - 65.

Trabalhos completos/resumidos em eventos sem arbitragem científica
Papers in conference proceedings without scientific refereeing
1. Martins, A.M.O.; Carvalho, Margarida. 2007. "Educação e Tempo Livre: o papel do animador sócio-cultural em contexto escolar", Trabalho apresentado em II Congreso Iberoamericano de Pedagogía Social y XXI Seminário Interuniversitario de Pedagogía Social, In Educación Social, Animación Sociocultural y Desarrollo Comunitário, Allariz-Chaves.
2. Martins, Alcina M. O; Carvalho, Margarida. 2006. "O lado oculto da violência doméstica: “um olhar de dentro”", Trabalho apresentado em XX Seminário Interuniversitario de Pedagogía Social sobre “Educación Social e Igualdad de Género”, In Actas del XX Seminário Interuniversitario de Pedagogía Social sobre “Educación Social e Igualdad de Género” , Málaga.
3. Carvalho, Margarida; Martins, A.M.O.. 2005. "Educação e Sociedade: a criação de um novo contexto educativo", Trabalho apresentado em 1er Congreso Internacional e Interdisciplinar sobre Participación, Animación e Intervención Socioeducativa, Universitat Autónoma de Barcelona, Departament de Pedagogia Sistemática i Social”, In 1er Congreso Internacional e Interdisciplinar sobre Participación, Animación e Intervención Socioeducativa, Universitat Autónoma de Barcelona, Departament de Pedagogia Sistemática i Social”, Barcelona.
4. Martins, Alcina M. O. 2005. "Sexo, Género e Educação em Portugal", Trabalho apresentado em Congresso Internacional de Educação e Cidadania, In Congresso Internacional de Educação e Cidadania, Sevilha.
5. Martins, Alcina M. O. 2004. "Género e cidadania: um exemplo português", Trabalho apresentado em 1er Congreso Iberoamericano de Pedagogia Social, In Actas del 1er Congreso Iberoamericano de Pedagogia Social, Santiago do Chile.
6. Martins, Alcina M. O. 2003. "História e memória de uma comunidade feminina: o mosteiro de S. Salvador de Vairão", Trabalho apresentado em II Jornadas de Vila do Conde, In II Jornadas de Vila do Conde, Vila do Conde.
7. Martins, Alcina M. O. 2002. "A contestação das igrejas portuguesas à tutela de Santiago a propósito dos votos jacobeus", Trabalho apresentado em Jornadas dos Caminhos de Santiago, In Peregrinos na Europa, Santiago de Compostela.
8. Martins, Alcina M. O. 1998. "Uma contenda entre o mosteiro de S. Salvador de Vairão e Simão Martins, tabelião do rei nas terras da Maia", Trabalho apresentado em Actas das Jornadas Interdisciplinares, Poder e Sociedade, In Actas das Jornadas Interdisciplinares, Poder e Sociedade, Lisboa.
9. Martins, Alcina M. O. 1992. "Da devoção a S. Tiago à contestação dos Votos Jacobeios", Trabalho apresentado em Congresso Internacional dos Caminhos Portugueses de Santiago de Compostela, In Actas do Congresso Internacional dos Caminhos Portugueses de Santiago de Compostela, Lisboa.

Textos em jornais ou revistas
Texts in newspapers or magazines
1. Martins, Alcina M. O; Carvalho, Margarida. 01 dez. 2007. "Violência sexual contra crianças e jovens na actualidade" Revista de Ciències de l’Éducació .Any XXXI, III época, 7 - 22.
2. Martins, Alcina M. O. 04 mar. 1994. "As relações de Portugal com o exterior na época do Infante D. Henrique. In Como se vivia no tempo do Infante D. Henrique" Jornal de Notícias, 60 - 64.





Dados Complementares (Additional data)


Orientações
Orientations


Tese de Doutoramento
Phd Thesis
Concluídas
Completed
1. Miguel Oliveira Rodrigues, Violência Doméstica e envolvimento parental na escola: a perspetiva de mães e filhos, 2018. Tese (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, Bolseiro(a) de Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Orientador).
2. Hugo Miguel Fernandes Cruz, Sincronizar relógios . Otimizar aprendizagens. Matutinidade-vespertinidade, hora do dia e desempenho em crianças em idade escolar, 2018. Tese (Ciências da Educação) - Fundação para a Ciência e a Tecnologia, Bolseiro(a) de Fundação para a Ciência e a Tecnologia (Co-orientador).
3. António José Andrade , Estratégias de ensino e aquisição de competências. O caso das unidades curriculares no domínio da Matemática no 1º ciclo do Ensino Superior Português , 2018. Tese (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Co-orientador).
Globalization and technological evolution have promoted a change in education. In Europe, this change materialized through the Bologna Process, bringing the teaching-learning process closer to the constructivist and connectivist paradigms, in which the student assumes a central, proactive and autonomous position, yet always guided by the teacher. In this sense, teaching strategies stimulate both the acquisition / development of knowledge, as well as skills valued by the labor market, thus fostering employability. As such, the preparation of students is fundamental and constitutes a challenge for higher education institutions. Thus, this research seeks to assess the relationship between teaching strategies used by teachers and the skills acquired / developed by students, more specifically, in curricular units in the field of mathematics in the first cycle of higher education. With this research one hopes to contribute to a better knowledge of the impact that these curricular units have in the development of students’ competences. At the methodological level, this research is essentially part of the research methodology by questionnaire. However, it was also used the semi-structured interview to evaluate the perspective of one of the groups under analysis. This study was carried out in the academic year 2015/2016, at the Instituto Politécnico do Porto, only in its courses with curricular units in the field of mathematics and embraces the students and teachers’ perceptions, who have attended the curricular units under analysis. For the accomplishment of the data triangulation, interviews were also carried out to the welcoming entities of trainee and / or graduate students. The results obtained allow to identify a set of teaching strategies that influence the acquisition/development of students’ competences. Through the two models of constructed structural equations, the influence of the teaching strategies on acquired/developed competences is verified in detail.
4. Hélène Huguette Gonçalves , Stand Up...Quality! Fazeres e Dizeres na Avaliação da Escola, 2017. Tese (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Co-orientador).
A tese que se apresenta centra-se no domínio da avaliação de escola (autoavaliação e avaliação externa) e pretende contribuir para a análise do seu impacto na organização escolar, na mudança da práxis dos profissionais e na sua importância para a melhoria da qualidade educativa. Esta temática tornou-se prioritária nas políticas educativas nacionais e internacionais, justificando a existência de múltiplos modelos de avaliação interna e externa nas escolas e a complexidade dos procedimentos avaliativos. Realizámos um estudo de caso numa escola do distrito do Porto. Recorrendo a análise documental e a entrevista, foi possível responder à nossa pergunta de partida: De que modo os processos de autoavaliação e avaliação externa podem promover a qualidade educativa? Propomos estratégias de desenvolvimento de práticas (auto)avaliativas promotoras da qualidade educativa que possam ser implementadas na escola em estudo, bem como noutras realidades escolares. Concluímos que o envolvimento/colaboração da comunidade educativa são fatores essenciais para que se faça uma autoavaliação institucional concordante com as finalidades que a fundamentam e adequada à especificidade da realidade de cada escola. .
5. Carla Dimitre Dias Alves , O Projeto Aprender a Crescer: Desenvolvimento transdisciplinar da Leitura em Monodocência Coadjuvada no 1.º CEB, 2017. Tese (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, Bolseiro(a) de Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Co-orientador).
6. Carla Patrícia Flor , No Trilho da Inclusão: A Interação Entre os Docentes de Educação Especial e os Docentes Titulares de Turma , 2017. Tese (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Orientador).
A diferenciação do ensino e aprendizagem nas escolas do 1º ciclo, tem registado uma evolução significativa, no que se refere às crianças com necessidades educativas especiais (NEE). As mudanças, focalizadas na sala de aula e na gestão democrática das escolas, visam sobretudo mais inclusão e mais qualidade. Em conformidade, o objetivo geral deste estudo incide em analisar a interação entre os docentes de Educação Especial e os docentes titulares de turma, de escolas de 1º ciclo, do concelho do Funchal. A abordagem metodológica, de natureza qualitativa, recorreu a fontes e instrumentos de recolha de dados qualitativos e quantitativos, no contexto de escolas do 1º ciclo selecionadas no Funchal. Assim, foram realizadas 15 entrevistas a diretores de escola e ao coordenador do Centro de Apoio Psicopedagógico (CAP). Paralelamente, foram aplicados inquéritos por questionário a 82 docentes titulares de turma e a 41 docentes especializados em educação especial. Os resultados destacaram os efeitos positivos na inclusão de alunos com NEE, com relevo para a motivação, a interação e o trabalho cooperativo entre os docentes especializados em educação especial e os docentes titulares de turma. Além disso, segundo as perceções analisadas, o trabalho desenvolvido entre estes profissionais potenciou o envolvimento da comunidade educativa. Constatou-se ainda que, a liderança do/a Diretor/a de escola, que dinamiza e motiva a sua equipa para um trabalho cooperativo de qualidade, com aplicação de estratégias diferenciadas que promovam .
7. Ana Paula Monteiro da Rocha da Silva Gonçalves , (in)disciplina e (in)teração pedagógica: do discurso à prática., 2012. Tese (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Co-orientador).
8. Carla Isabel Carvalho, Maus-tratos Conjugais entre Idosos: Propostas para a Prevenção e Intervenção Sócio-Educativa, 2008. Tese (Educacion Social) - Universidade de Granada.


Dissertação de Mestrado
Master degree dissertation
Concluídas
Completed
1. Maria Núbia de Oliveira, Docência e viés de gênero e raça: promovendo a equidade na diversidade , 2018. Dissertação (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Co-orientador).
Este trabalho apresenta como finalidade analisar de que maneira a inclusão, na área educacional, do enfoque crítico para a igualdade na diversidade, pode ajudar a ultrapassar as questões relativas ao gênero e à raça, quando condicionam os comportamentos de professores/as negros/as em seu trabalho. Tendo em atenção os objetivos propostos para este estudo, optou-se por realizar uma investigação qualitativa (entrevista), com base na metodologia da história oral, centrada na memória humana e em sua capacidade de rememorar o passado, enquanto testemunha do vivido. A escolha dos entrevistados esteve vinculada à necessidade de se compreender um universo específico, qual seja, o referencial simbólico e as práticas envolvendo o processo de formação de professores (as) negros (as) relacionado às questões gênero e raça. Para encontrar resposta à questão central desta pesquisa, fez-se necessário conhecer a história de vida de quatro docentes do quadro geral de professores da rede pública de ensino, identificados como negros (as). Procurou-se evidenciar suas trajetórias de vida e profissional, a fim de saber de que maneira as questões relativas ao gênero e à raça puderam definir os comportamentos em seu trabalho na área educacional. O discurso dos docentes, sujeitos desta investigação, retrata a origem socioeconômica, as barreiras discriminatórias e o preconceito existente na sociedade, edificado na construção do mito da inferioridade e incompetência do negro, refletindo-se de igual modo na mulher, professora e negra. Os resultados do estudo mostram que a educação formal, aliada ao apoio familiar, se tornou indispensável ao preparo para lidar com a problemática da diversidade e da discriminação. Outros mecanismos, tais como, a clareza dos objetivos a perseguir, ser competente na profissão, considerar que o gênero e a raça não são impedimentos, condicionaram os comportamentos desses professores/as negros/as, em seu trabalho na docência. Pode-se dizer, portanto, que cada um desse.
2. Eduardo Jorge Novaes Schoucair , Avaliação da interação em Ambiente VIrtual do Curso de Administração de uma Instituição de Ensino Superior na modalidade À Distância, 2018. Dissertação (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Orientador).
As instituições educacionais vêm passando por transformações significativas, quanto à forma de ensinar, independentemente do nível de escolaridade que a instituição oferte (ensinos médio, técnico, graduação ou pós graduação). Dessa forma, merece destaque neste cenário de mudanças, a modalidade a distância, a qual vem crescendo de maneira relevante, em todo o mundo, seja pela flexibilidade que a mesma oferece a quem pretende ingressar em um curso superior, caso específico deste estudo, seja pelo custo acessível das mensalidades, o que atrai cada vez mais estudantes a aderirem a EaD. Neste sentido, as universidades, em geral, procuram ofertar cursos com tecnologias avançadas, recursos adequados para um melhor aprendizado, com suporte pedagógico que supra as devidas necessidades dos alunos, por meio da capacitação dos seus professores e tutores, e criação de polos presenciais, de acordo com o que é preconizado pela lei. Não resta dúvida que este novo cenário exige mudanças radicais quanto ao papel do professor e do aluno, e dessa forma, as características próprias de ambas as partes precisam de ser repensadas, adequadas e analisadas, para que a aprendizagem de fato se concretize. Diante desta realidade, destaca-se a Universidade do estudo, na qual se implantou, em 2009, a referida modalidade, ofertando cursos de educação a distância. Nessa perspectiva, esta dissertação tem como objetivo geral analisar as percepções de alunos e professores sobre a interação desenvolvida em ambiente virtual no curso de Administração de uma IES na modalidade EaD, e o efeito que esta distância exerce no ensino e na aprendizagem. Para que a investigação fosse realizada, a estratégia de pesquisa utilizada foi uma abordagem qualitativa de um estudo de caso, conjugando instrumentos e técnicas qualitativas e quantitativas, com recurso à realização de entrevistas e à aplicação de questionários. Diante da realização do processo investigativo, através dos resultados oriundos da pesquisa.
3. Juliana Valeska Brito de Castro , Relação da violência doméstica com o aproveitamento escolar de uma escola municipal da cidade de Campina Grande , 2017. Dissertação (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Co-orientador).
Ao longo de toda a história, percebemos que as crianças e adolescentes foram sendo alvo da prática de disciplina rígida. Esta forma de educar com a presença de violência, na relação entre pais e filhos, ainda hoje é muito utilizada, o que nos faz acreditar que as correntes do patriarcalismo se arraigaram consolidando uma cultura semelhante à pedagogia correcional do passado, alterando apenas, os tipos de violência. Esta série de conflitos existentes, nesta difícil relação familiar, formaliza um ciclo continuo e vicioso, com o intuito de camuflar a problemática e coibi-la. Neste sentido interessa investigar e avaliar se existe relação de violência doméstica com o aproveitamento escolar. Foram aplicados cartões e questionários do instrumento CTSPC, as crianças e adolescentes, com 22 itens que permitem classificar e medir o uso de quatro práticas disciplinares, utilizadas pelos pais, numa Escola Municipal, na cidade de Campina Grande-PB. Os casos detectados pelo instrumento (CTSPC), versão portuguesa, revelam taxas elevadas de prevalência o que significa que alguns pais continuam a entender e praticar a disciplina com atos violentos, que se traduzem em ameaça psicológica; punição corporal; maus tratos físicos; maus tratos graves. Este estudo evidencia que tais práticas de criminalidade ocasionam prejuízos no aproveitamento escolar (aspectos cognitivos e sócios educativos), impedindo uma assimilação eficaz e um desenvolvimento sadio do aluno. Por último, e apesar do esforço e dos meios utilizados pela escola, as dificuldades de detecção, prevenção e intervenção ainda continuam, pois as mentalidades e os costumes impedem, ou dificultam, o trabalho desenvolvido por parte dos profissionais da educação.
4. Ana Lúcia Lima, A AUSÊNCIA FAMILIAR E SUAS REPERCUSSÕES NA CONSTRUÇÃO DA APRENDIZAGEM DE CRIANÇAS INSTITUCIONALIZADAS, 2017. Dissertação (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Orientador).
A presente pesquisa tem como finalidade averiguar o impacto do desligamento familiar na aprendizagem escolar, em crianças institucionalizadas, no contexto de um Serviço de Acolhimento Institucional de uma instituição pública, localizada no município de Laranjeiras/SE. A presença da família na vida de uma criança é imprescindível para a sua formação, desenvolvimento afetivo e segurança emocional. Por isso, quando as crianças e jovens, devido a situações sócio familiares, precisam de ser afastadas temporariamente do seu núcleo familiar, são colocadas em instituições sociais, de forma temporária. Porém, embora estas instituições se preocupem com o bem estar da criança e do jovem, muitas vezes, estes, por vários fatores, chegam à escola completamente desmotivados, propiciando a indisciplina, o absentismo escolar e, podendo originar a estigmatização, por parte da comunidade escolar. No desenvolvimento desta pesquisa, seguiu-se a abordagem qualitativa, caracterizando-se como um estudo de caso, onde, como instrumentos de pesquisa, recorremos à entrevista estruturada que abrangeu a equipe técnica do abrigo (a diretora, 01 Psicólogo e 02 Assistentes Sociais), e 12 professores da escola freqüentada pelas crianças e jovens da casa Abrigo. Os dados recolhidos foram agrupados em categorias e subcategorias possibilitando uma análise pormenorizada dos fatos descritos. O estudo concluiu que a quebra dos vínculos familiares constitui-se como fator decisivo no processo da não aprendizagem de crianças e adolescentes institucionalizadas. .
5. Maria da Paixão Santos, GESTÃO DEMOCRÁTICA NA ESCOLA PÚBLICA: A atuação do Conselho Escolar na rede municipal de Ensino em Santa Luzia do Itanhi/SE , 2017. Dissertação (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Orientador).
No Brasil, as reformas educacionais nas últimas décadas apontam a implantação da gestão democrática nas escolas públicas, como um dos princípios básicos para a melhoria da educação. Tendo como base legal a constituição Federal de 1988 no artigo 206, inciso VI e na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDBEN) de nº 9.394/96 que instituem em diferentes artigos a autonomia, a transparência, a descentralização do poder e a participação coletiva como elementos fundamentais para a democratização da escola. E para o fortalecimento dessa gestão elege o Conselho Escolar como órgão privilegiado para o processo de construção da democracia. No entanto, num país em desenvolvimento com características marcantes da globalização capitalista, é importante refletir sobre como se materializa, na escola pública, a democratização de gestão à luz deste colegiado. Nesta perspectiva, o objetivo deste estudo foi averiguar se a atuação do Conselho Escolar tem contribuído para o processo de gestão democrática, numa Escola da Rede Municipal de Ensino, de Santa Luzia do Itanhi/SE. Para o percurso metodológico da investigação optou-se por uma pesquisa descritiva, com uma abordagem qualitativa, recorrendo-se à entrevista estruturada realizada aos representantes do Conselho Escolar (nove) e à análise de documentos importantes. Em análise, os resultados mostraram que a contribuição de um Conselho Escolar com princípios democráticos, ainda é um entrave a ser superado.As práticas desenvolvidas na escola preservam traços históricos de uma política conservadora de poder centralizado, a partir de uma cultura autoritária, que continua se materializando dentro da escola. Embora se perceba que a comunidade escolar já tem consciência da relevância do Conselho Escolar, ainda há um longo caminho a percorrer para a concretização de uma gestão participativa na escola a partir da construção coletiva. .
6. Alfredo José Pacheco Pereira , DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS PRÁTICAS ESSENCIAIS À FORMAÇÃO DO ESTUDANTE DO ENSINO MÉDIO E À SUA INSERÇÃO NA VIDA ATIVA, 2017. Dissertação (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Orientador).
Esta pesquisa tem, por objetivo, analisar o desenvolvimento de competências práticas dos estudantes, na ação letiva docente, em uma escola do Ensino Médio, na cidade de Porto Seguro, considerando a inserção dos jovens na vida ativa. Tendo em conta a necessidade de os estudantes adquirirem competências que os preparem para a inserção na vida profissional, é essencial ir mais além de um modelo de educação conteudista, centrado na transmissão e memorização de conteúdos, que não contempla a utilidade prática dos conteúdos apreendidos. Nesta perspectiva, o estudo proposto, de natureza qualitativa, procura analisar a relação entre práticas pedagógicas e a aquisição de competências profissionais, através das percepções de alunos e professores. No estudo, verificou-se que o mercado de trabalho predomina quando se trata da expectativa do estudante, em relação ao aprendizado, o que reforça a ideia da relação entre educação e trabalho, no sentido da Escola como instituição voltada para a preparação profissional. Na percepção dos professores, é preciso um ajustamento do currículo às necessidades da vida prática, além de investimentos na formação dos docentes, para um ensino que vise a construção de competências articulada com o cotidiano. Entende-se, então, que as mudanças por que passa a sociedade, as formas de inserção, as exigências de um mercado mais competitivo, a flexibilidade e as competências essenciais a este mercado, cada vez mais tecnológico, evidenciam a necessidade de profundas reformas na instituição escolar. Assim, pela análise efetuada, é evidente a necessidade da alteração do currículo, uma vez que o Ensino Médio está identificado não apenas com a formação geral básica, mas também com a educação, em termos de tecnologia e formação para o trabalho.
7. Maria Lucineide dos Santos, O PAPEL DO PEDAGOGO NA EMPRESA: GESTÃO DE UMA PEDAGOGIA EMPRESARIAL , 2016. (Orientador).
O presente estudo tem como objetivo analisar a eficácia da atuação do pedagogo numa empresa, considerando a adequação das suas competências profissionais a contextos empresariais competitivos. A partir de uma breve retrospectiva histórica do campo de atuação do pedagogo, onde mostramos que a pedagogia não se limita a instituição escolar, procuramos dismistificar o paradigma de que o pedagogo atua única e exclusivamente em espaços escolares. No percurso investigativo, seguimos uma abordagem qualitativa, com recurso à entrevista estruturada aplicada a pedagogos e gestores de RH, analisadas através da análise de conteúdo, de duas empresas. Uma é uma multinacional e está ligada ao ramo dos refrigerantes. A outra é pública e está no ramo da hidroelétrica. A partir dos dados coletados conseguimos percepcionar que a Pedagogia Empresarial constitui uma forma de potencialização da qualidade organizacional, transformando as empresas num tempo e num local de aprendizagem e formação constante, valorizando competências humanas de cidadania. .
8. Dorvalina Maria Maciel de Vasconcelos , Gestão democrática de uma escola pública numa visão integrada dos participantes no conselho escolar, 2015. Dissertação (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Orientador).
9. Maria dos Prazeres dos Santos , O Dilema da (In)disciplina escolar, 2015. Dissertação (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Orientador).
10. Silvia Helena Vasconcelos da Silva , Implantação de um sistema de gestão integrado numa escola pública do município de Ipojuca, 2015. Dissertação (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Orientador).
11. Patrícia da Conceição Almeida Pinto , A escola como construção social : perceções dos estudantes sobre a organização do ensino e aprendizagem da disciplina de Português, 2015. Dissertação (Ciências da Educação) - Universidade Lusófona do Porto (Orientador).
12. Laura Tereza de Souza , Influência da liderança e cultura organizacional na gestão democrática de escola pública, 2014. Dissertação (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Orientador).
13. Gilson dos Santos , liderança e gestão democrática: um processo de mudança, 2014. Dissertação (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Orientador).
14. José Lourenço da Graça , As perceções dos professores de um agrupamento de escolas sobre a influência da liderança de topo no seu clima e cultura organizacional, 2013. Dissertação (Ciências da Educação) - Universidade Lusófona do Porto (Orientador).
15. Maria Clara de Oliveira de Oliveira, Os cursos de educação e formação como uma oportunidade de sucesso educativo para jovens do ensino básico , 2013. Dissertação (Ciências da Educação) - Universidade Lusófona do Porto (Orientador).
16. Maria Manuela Bigote Tavares Neves Pina , De volta aos bancos da Escola: Percursos e Motivações do Curso EFA. , 2013. Dissertação (Ciências da Educação) - Universidade Lusófona do Porto (Orientador).
17. Margarida Maria Rodrigues Silva , A construção de uma cultura organizacional identitária: uma visão dos servidores de um Instituto de Educação Técnica Profissional do Nordeste brasileiro, 2013. Dissertação (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Orientador).
18. Arminda Manuela de Oliveira Martins, Imagens da Escola: Perceções dos estudantes sobre a organização do ensino-aprendizagem da disciplina de geografia., 2012. Dissertação (Ciências da Educação) - Universidade Lusófona do Porto (Orientador).
19. Andreia Maria Bessa Magalhães , Importância do projecto educativo de Escola na Construção de uma Estratégia de melhoria das aprendizagens na disciplina de Ciências de físico-químicas. Um estudo de Caso, 2012. Dissertação (Ciências da Educação) - Universidade Lusófona do Porto (Orientador).
20. Izabel Maria de Sousa Borja, Evasão escolar no ensino fundamental: A concepção de Egressos do Projovem Urbano de Carmópolis. Um Estudo de Caso, 2012. Dissertação (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (Orientador).
21. António Manuel Rodrigues Pinto Moreira , Os efeitos da indisciplina nos professores do 2º e 3º Ciclo do ensino básico regular, 2011. Dissertação (Ciências da Educação) - Universidade Lusófona do Porto (Orientador).
22. Teresa de Jesus Correia Paulino dos Santos , A avaliação interna na organização escolar: dilemas e desafios - Um estudo de caso, 2010. Dissertação (Ciências da Educação) - Universidade Lusófona do Porto (Orientador).
23. Maria de Fátima Fernandes Martins , Indisciplina na sala de aula: Um olhar de dentro, 2010. Dissertação (Ciências da Educação) - Universidade Lusófona do Porto (Orientador).
24. Isabel Maria Cabral Ferreira Soares , Instrumentos de operacionalização da autonomia da escola: a sua funcionalidade. Um estudo de caso, 2010. Dissertação (Ciências da Educação) - Universidade Lusófona do Porto (Orientador).
25. Ana Cristina Seabra dos Anjos , Escola e diversidade cultural. Estudo de caso: alunos imigrantes do Leste Europeu no Distrito do Porto, 2010. Dissertação (História) - Universidade Portucalense Infante Dom Henrique (Orientador).
26. Maria de Fátima Fonseca Cerqueira , O Ensino Profissional na Escola Secundária Pública: Um desafio de Integração, 2010. Dissertação (Ciências da Educação) - Universidade Lusófona do Porto (Orientador).
27. Maria do Céu Várzeo de Moura , Liderança e Clima de Escola. Um estudo de caso, 2010. Dissertação (Ciências da Educação) - Universidade Lusófona do Porto (Orientador).
28. Sandra Braz Carneiro , Sucesso e insucesso escolar. Um estudo de caso, 2010. Dissertação (Ciências da Educação) - Universidade Lusófona do Porto (Orientador).
29. Teresa de Jesus Correia Paulino dos Santos , A avaliação interna na organização escolar: dilemas e desafios - Um estudo de caso, 2010. Dissertação (Ciências da Educação) - Universidade Lusófona do Porto (Orientador).
30. Carlos Alberto Martins de Sousa Magalhães , Manifestação de bullying nos cursos de educação e formação – um caso de estudo., 2010. Dissertação (Ciências da Educação) - Universidade Lusófona do Porto (Orientador).
31. Alice Maria Soares de Oliveira , O regresso à escola dos alunos em abandono escolar – contributo de um Programa Integrado de Educação e Formação, 2009. Dissertação (História) - Universidade Portucalense Infante Dom Henrique (Orientador).
32. Margarida Alexandra Ferreira Brito , Participação dos Pais / Encarregados de Educação vs Motivação dos Alunos, 2009. Dissertação (História) - Universidade Portucalense Infante Dom Henrique (Orientador).
33. Ana Maria Marques Silva , A Pedagogia Waldorf: um contributo para a educação em Portugal., 2007. Dissertação (História) - Universidade Portucalense Infante Dom Henrique (Orientador).
34. Cátia Dulcelina Queijo Nogueira Freire Alves de Sá , Perspectivas Docentes Sobre a (in)Disciplina: estudo de caso em docentes do 1º ciclo em escolas do Porto, 2007. Dissertação (História) - Universidade Portucalense Infante Dom Henrique (Orientador).
35. Helena Maria Alves Rodrigues de Bastos , A criança de transição. Estudo das representações e atitudes face ai 1º ciclo do ensino básico, 2007. Dissertação (História) - Universidade Portucalense Infante Dom Henrique (Orientador).
36. Sónia Rosa Ferreira Pinto , As representações dos professores no diálogo de culturas nas escolas., 2007. Dissertação (História) - Universidade Portucalense Infante Dom Henrique (Orientador).
37. Maria Isabel Carriço da Silva , Director de Turma e a Gestão Curricular no Conselho de Turma – Consenso ou Conflito? , 2007. Dissertação (História) - Universidade Portucalense Infante Dom Henrique (Orientador).
38. Maria de Fátima Monteiro Ferreira , Do Pré-Escolar ao 1º Ciclo do Ensino Básico Procurando Compreender a Transição, 2006. Dissertação (História) - Universidade Portucalense Infante Dom Henrique (Orientador).
39. Lídia Guedes Silvano , O Ensino Técnico-Comercial. Que Perspectivas? Que Futuro? Estudo de Caso, 2006. Dissertação (História) - Universidade Portucalense Infante Dom Henrique (Orientador).
40. Susana Sofia Alves Botelho , A Identidade e a (in)satisfação Profissional dos Professores, 2006. Dissertação (História) - Universidade Portucalense Infante Dom Henrique (Orientador).
41. Daniel Carvalho Aradas , Representações Sociais dos Alunos Face à Escola e aos Pais., 2006. Dissertação (História) - Universidade Portucalense Infante Dom Henrique (Orientador).
42. Sérgio António Moreira Afonso , A Indisciplina e a Escola. Um estudo de caso, 2006. Dissertação (História) - Universidade Portucalense Infante Dom Henrique (Orientador).
43. Paulo Manuel do Vale Cruz, O papel do diretor de turma face aos desafios da autonomia – um estudo de caso, 2006. Dissertação (História) - Universidade Portucalense Infante Dom Henrique (Orientador).
44. Aldina de Fátima Monteiro Pereira , Insucesso e Abandono Escolar no Concelho de Mesão Frio – Um Estudo de Caso, 2005. Dissertação (História) - Universidade Portucalense Infante Dom Henrique (Orientador).
45. Zulmira dos Santos Lima Torres Correia , Dinâmicas Organizacionais nas Escolas do 1º Ciclo. A Avaliação de um Estudo de Caso , 2005. Dissertação (História) - Universidade Portucalense Infante Dom Henrique (Orientador).
46. Lucília Fernandes Henriques , Família e a Creche no Mundo da Criança. Um estudo de caso, 2005. Dissertação (História) - Universidade Portucalense Infante Dom Henrique (Orientador).
Em curso
Ongoing
1. Ana Paula Teixeira Marques , A violência doméstica: a intervenção dos técnicos de acompanhamento na construção de projectos de vida alternativos. Um estudo de Caso, 2009. Dissertação (História) - Universidade Portucalense Infante Dom Henrique (Orientador).


Participação no júri de Graus Académicos
Academic Degrees jury participation


Doutoramento
Phd
1. Martins, Alcina Manuela de Oliveira. Participação no júri de Henrique Lopes Pereira . Das competências em gestão da qualidade à aprendizagem organizacional, 2013. Tese (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias.
2. Martins, Alcina Manuela de Oliveira. Participação no júri de Isilda Maria Oliveira Carvalho Ribeiro . Aprendizagem de valores profissionais no curso de licenciatura em enfermagem, 2013. Tese (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias.
3. Martins, Alcina Manuela de Oliveira. Participação no júri de Fernando Manuel Ferreira Rodrigues Silva . Saberes e construção de identidades Profissionais. Docentes do Ensino Secundário em contexto de globalização. O caso dos professores/as de economia, 2011. Tese (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias.
4. Martins, Alcina Manuela de Oliveira. Participação no júri de Maria de Nazaré Castro Trigo Coimbra . O círculo da escrita. O texto argumentativos e a consciência meta(linguística) no Ensino Secundário, 2011. Tese (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias.
5. Martins, Alcina Manuela de Oliveira. Participação no júri de Henriqueta Ilda Verganista Martins Fernandes. Aprender a cuidar em Enfermagem: do Diálogo reflexivo aos significados. Perspectiva do estudante da licenciatura, 2011. Tese (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias.
6. Martins, Alcina Manuela de Oliveira. Participação no júri de Jader da Silva Alves . A informação médica e a tomada de decisão em cirurgias refractivas: o uso de recursos audiovisuais a dar suporte à escolha dos utentes, 2011. Tese (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias.
7. Martins, Alcina Manuela de Oliveira. Participação no júri de Maria da Conceição Lemos da Cruz Pereira . Escola/ família. Aprendendo juntas…Um compromisso de futuro. Estudo de Caso, 2011. Tese (ciências da Educação) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias.







Indicadores de produção (Production indicators)

Total
Produção científica
Scientific production
44

Livros e capítulos
Books and book chapters
7
Livros publicados ou organizados
Published or organized books
3
Capítulos de livros publicados
Published book chapters
4
Artigos científicos em revistas
Papers in periodics
23
Com arbitragem científica
With scientific refereeing
15
Sem arbitragem científica
Without scientific refereeing
8
Trabalhos em eventos
Papers in conference proceedings
12
Com arbitragem científica
With scientific refereeing
3
Sem arbitragem científica
Without scientific refereeing
9
Textos em jornais ou revistas
Texts in journals or magazines
2
Jornais de notícias
Newspapers
1
Revistas
Magazines
1

Total
Dados complementares
(Additional data)
65

Orientações
Orientations
58
Participação no Júri de Graus Académicos
Academic Degrees jury participation
7


Visualizações do curriculum [ 3621 ]
 
Página gerada pela Plataforma de Curricula DeGóis promovida pela FCT e pelo Gávea/DSI/UM em 19-08-2019 às 03:23:16
Plataforma de Curricula DeGóis: http://www.degois.pt | Icons by Axialis Team
Co-Autores Relacionados no DeGóis (2)
 Co-authors listed in Degóis